23 de novembro de 2010

Woodstock Festival (1969)

Woodstock Music & Art Fair (conhecido informalmente como Woodstock ou Festival de Woodstock) foi um festival de música realizado entre os dias 15 e 18 de agosto de 1969 na fazenda de 600 acres de Max Yasgur na cidade rural de Bethel, no estado de Nova York, Estados Unidos. Anunciado como "Uma Exposição Aquariana: 3 Dias de Paz & Música", o festival deveria ocorrer originalmente na pequena cidade de Woodstock, mas os moradores locais não aceitaram, o que levou o evento para a pequena Bethel, a uma hora e meia de distância. 

O festival exemplificou a era hippie e a contracultura do final dos anos 1960 e começo de 70. Trinta e dois dos mais conhecidos músicos da época apresentaram-se durante um chuvoso fim de semana defronte a meio milhão de espectadores. Apesar de tentativas posteriores de emular o festival, o evento original provou ser único e lendário, reconhecido como um dos maiores momentos na história da música popular.
O evento foi capturado em um documentário lançado em 1970, Woodstock, além de uma trilha sonora com os melhores momentos. 

História.

O Festival de Woodstock surgiu dos esforços de Michael Lang, John P. Roberts, Joel Rosenman e Artie Kornfeld. Roberts e Rosenman, que entrariam com as finanças, colocaram um anúncio sob o nome de Challenge International, Ltd., no New York Times e no Wall Street Journal ("Jovens com capital ilimitado buscam oportunidades de investimento legítimas e interessantes e propostas de negócios"). Lang e Kornfeld responderam o anúncio, e os quatro reuniram-se inicialmente para discutir a criação de um estúdio de gravação em Woodstock, mas a idéia evoluiu para um festival de música e artes ao ar livre. 

Mesmo considerado um investimento arriscado, o projeto foi montado tendo em vista retorno financeiro. Os ingressos passaram a ser vendidos em lojas de disco e na área metropolitana de Nova York, ou via correio através de uma caixa postal. Custavam 18 dólares (aproximadamente 75 dólares em valores atuais), ou 24 dólares se adquiridos no dia. Aproximadamente 186.000 ingressos foram vendidos antecipadamente, e os organizadores estimaram um público de aproximadamente 200.000 pessoas. Não foi isso que aconteceu, no entanto. Mais de 500.000 pessoas compareceram, derrubando cercas e tornando o festival um evento gratuito. 

O Primeiro Dia do Festival.

Este influxo repentino provocou congestionamentos imensos, bloqueando a Via Expressa do Estado de Nova York e eventualmente transformando Bethel em uma "área de calamidade pública". As instalações do festival não foram equipadas para providenciar saneamento ou primeiros-socorros para tal multidão, e centenas de pessoas se viram tendo que lutar contra mau tempo, racionamento de comida e condições mínimas de higiene. 

Embora o festival tenha sido reconhecidamente pacífico, dado o número de pessoas e as condições envolvidas, houve duas fatalidades registradas: a primeira resultado de uma provável overdose de heroína, e a outra após um atropelamento de trator. Houve também dois partos registrados (um dentro de um carro preso no congestionamento e outro em um helicóptero), e quatro abortos. 

A Multidão Reunida.

Ainda assim, em sintonia com as esperanças idealísticas dos anos 60, Woodstock satisfez a maioria das pessoas que compareceram. Mesmo contando com uma qualidade musical excepcional, o destaque do festival foi mesmo o retrato comportamental exibido pela harmonia social e a atitude de seu imenso público. 

32 Apresentações Foram Realizadas nos 4 Dias do Evento:

Sexta-feira, 15 de Agosto.

Richie Havens.
Swami Satchidananda - deu a invocação para o festival.
Sweetwater.
The Incredible String Band.
Bert Sommer.
Tim Hardin.
Ravi Shankar.
Melanie.
Arlo Guthrie.
Joan Baez .

Sábado, 16 de Agosto. 

Quill, quarenta minutos para quatro músicas.
Keef Hartley Band.
Country Joe McDonald.
John Sebastian.
Santana.
Canned Heat.
Mountain.
Grateful Dead.
Creedence Clearwater Revival.
Janis Joplin com a The Kozmic Blues Band.
Sly & the Family Stone.
The Who começou às 4 da manhã, dando início a um conjunto de 25 músicas, incluindo Tommy.
Jefferson Airplane.

Domingo, 17 de Agosto para Segunda, 18 de Agosto.

The Grease Band.
Joe Cocker.
Country Joe and the Fish.
Ten Years After.
The Band.
Blood, Sweat & Tears.
Johnny Winter e seu irmão, Edgar Winter.
Crosby, Stills, Nash & Young.
Paul Butterfield Blues Band.
Sha-Na-Na.
Jimi Hendrix.
 

Convites Recusados.

The Beatles: O site woodstockstories.com apresenta duas alternativas para a recusa dos Beatles. A primeira é que os organizadores teriam contactado John Lennon, e ele disse que a banda só tocaria se a Plastic Ono Band de Yoko Ono também pudesse se apresentar. O site afirma que a explicação mais plausível é que Lennon queria tocar, mas sua entrada nos Estados Unidos a partir do Canadá foi bloqueada pelo presidente Nixon. De qualquer modo, os Beatles estavam prestes a se separar, e inclusive não tocavam ao vivo fazia três anos, desde de agosto de 1966. 

The Doors: considerado como uma alternativa, cancelou sua aparição no último momento; de acordo com o guitarrista Robbie Krieger, eles recusaram pois pensaram que aquela seria mais uma "imitação de segunda categoria do Monterey Pop Festival", mais tarde se arrependendo da decisão. Outro fator foi que o vocalista Jim Morrison estaria inseguro quanto a se apresentar fronte a grandes plateias. O baterista John Densmore no entanto compareceu ao festival, e no filme pode ser visto no palco durante a apresentação de Joe Cocker. 

Led Zeppelin: também foi convidado, de acordo com seu empresário Peter Grant: "Fomos chamados pra tocar em Woodstock e a Atlantic gostou da ideia, assim como nosso promoter nos EUA, Frank Barsalana, mas eu disse não pois em Woodstock seríamos apenas mais uma banda". Ao invés disso o grupo embarcou em uma bem-sucedida turnê de verão, tocando naquele mesmo final de semana no Asbury Park Convention Hall em New Jersey. 

Jethro Tull: recusou o convite, de acordo com Ian Anderson, pois seu empresário lhe disse que haveria montes de drogas, lama e hippies. Embora a banda não tenha se apresentado no festival, sua música foi tocada pelo sistema sonoro de utilidade pública. No filme, durante entrevistas com os organizadores (quando eles discutem quanto dinheiro estão perdendo com o evento), as canções "Beggar's Farm" e "Serenade to a Cuckoo", do álbum This Was, podem ser ouvidas ao fundo. 

The Byrds: foram convidados, mas escolheram não participar pensando que Woodstock não teria nada de diferente dos outros festivais musicais que estavam acontecendo naquele verão. Também estavam preocupados com o cachê, de acordo com declarações do baixista John York: "Estávamos indo pra um show e Roger McGuinn chegou e disse que um cara estava organizando um festival no norte de Nova York, mas que naquele ponto já não estavam mais pagando as bandas. Ele perguntou se queríamos ir, e todos responderam, 'Não, queremos descansar'. Não fazíamos idéia de como aquilo seria. Estávamos esgotados, e também cansados daquela coisa de festivais. Então recusamos, e perdemos o melhor festival de todos". 

Bob Dylan: estava negociando para tocar, mas desistiu depois que seu filho ficou doente. Ele também estava insatisfeito com o número de hippies acampando perto de sua casa, no local onde o festival ocorreria originalmente. 

Joni Mitchell: estava agendada para tocar, mas cancelou pois seu empresário temia que ela perdesse uma participação no programa de TV The Dick Cavett Show. 

The Moody Blues: apareceram no primeiro pôster de divulgação do evento, mas desistiram de participar após agendarem um show em Paris naquele mesmo final de semana. Texto: Wikipédia.

Woodstock (1969) 4 CD’S, Melhores Momentos.
CD 1.

01. Handsome Johnny (Richie Havens)
02. Freedom (Richie Havens)
03. The ‘Fish’ Cheer
I-Feel-Like-I’m-Fixin’-To-Die Rag (Country Joe McDonald)
04. Rainbows All Over Your Blues (John B. Sebastian)
05. I Had A Dream (John B. Sebastian) 
06. If I Were A Carpenter (Tim Hardin) 
07. Beautiful People (Melanie) 
08. Coming Into Los Angeles (Arlo Guthrie) 
09. Walking Down The Line (Arlo Guthrie) 
10. Joe Hill (Joan Baez) 
11. Sweet Sir Galahad (Joan Baez) 
12. Drug Store Truck Drivin’ Man (Joan Baez) 
13. Soul Sacrifice (Santana) 
14. Blood Of The Sun (Mountain) 
15. Theme For An Imaginary Western (Mountain) 

CD 2.

01. Leaving This Town (Canned Heat) 
02. Going Up The Country (Canned Heat) 
03. Commotion (Creedence Clearwater Revival) 
04. Green River (Creedence Clearwater Revival) 
05. Ninety-Nine And A Half (Won’t Do) (Creedence Clearwater Revival)
06. I Put A Spell On You (Creedence Clearwater Revival) 
07. Try (Janis Joplin) 
08. Work Me Lord (Janis Joplin) 
09. Ball & Chain (Janis Joplin) 
10. Medley:
Dance To The Music
Music Lover
I Want To Take You Higher
(Sly & The Family Stone) 

11. We’re Not Gonna Take It (The Who) 

CD 3.

01. Volunteers (Jefferson Airplane) 
02. Somebody To Love (Jefferson Airplane) 
03. Saturday Afternoon/Won’t You Try (Jefferson Airplane)
04. Uncle Sam Blues (Jefferson Airplane)
05. White Rabbit (Jefferson Airplane)
06. Let’s Go Get Stoned (Joe Cocker) 
07. With A Little Help From My Friends (Joe Cocker) 
08. Rock & Soul Music (Country Joe & The Fish) 
09. I’m Going Home (Ten Years After)
10. Long Black Veil (The Band) 
11. Loving You Is Sweeter Than Ever (The Band) 
12. The Weight (The Band) 
13. Mean Town Blues (Johnny Winter) 

CD 4.

01. Suite: Judy Blue Eyes (Crosby, Stills, & Nash) 
02. Guinnevere (Crosby, Stills, Nash & Young)
03. Marrakesh Express (Crosby, Stills, Nash & Young)
04. 4 + 20 (Crosby, Stills, Nash & Young) 
05. Sea Of Madness (Crosby, Stills, Nash & Young) 
06. Find The Cost Of Freedom (Crosby, Stills, & Nash) 
07. Love March (Paul Butterfeild Blues Band) 
08. At The Hop (Sha Na Na) 
09. Voodoo Chile (Slight Return) 
Stepping Stone (Jimi Hendrix) 
10. Star Spangled Banner (Jimi Hendrix) 
11. Purple Haze (Jimi Hendrix)

Como Baixar.

Zippyshare Pt 1, 2.

Mega.

Senha/Password: muro

The Complete Bootleg Woodstock (1969)

Deixe o seu comentário, isso valoriza e incentiva a continuidade do trabalho.

Todo comentário aparece após a aprovação.

Perguntas, pedidos, avisos ou problemas no blog, serão atendidos somente através do e-mail:

alex.classicrock@yahoo.com.br

Quem insistir em escrever nos comentários ou no meu Facebook, o mesmo será ignorado e o problema não será corrigido.

Links alheios não serão permitidos.

Criticas com palavras de baixo calão também não serão permitidas, se você não gosta de uma banda existem outras pessoas que gostam.

Quem não quiser comentar como anônimo pode utilizar a opção NOME/URL, não é necessário colocar URL, somente o nome.

27 comentários:

  1. Paulo Fidalgo07/06/11 10:07

    Vale, de facto, a pena recordar este evento sem paralelo mundial. Os loucos de 60 e ácidos de 70 conjugaram as notas musicais de forma perfeita. Todos nós estamos gratos por isso!
    Parabéns pelo blog, pela seleção musical e pela partilha.
    Obrigado Alex.

    ResponderExcluir
  2. ALEX PARABENS POR TER EM SEU ACERVO ,ESTA JÓIA DA HISTORIA DO ROCK N ROLL QUE TALVEZ NUNCA MAIS NÓS VEREMOS NOVAMENTE EM NOSSAS VIDAS ...

    STAY HEAVY ;

    ResponderExcluir
  3. DAILTON SOUSA15/07/11 22:25

    com certeza o melhor evento que teve ate hoje,se tivessemos mantido aquela energia aquele pensamento ate os dias de hoje com certeza a sociedade seria um exelente lugar para se viver parabens pelo blog e valeu por partilhar essas raridades.e long live rock n roll

    ResponderExcluir
  4. Parabéns Alex. Esse festival é de primeira.
    Seu blog é show de bola. Acho que nasci na época errada.


    @rodrigoisalino

    ResponderExcluir
  5. De fato foi sem duvida o maior de todos os festivais,pena que nunca foi incluso tanto dos albuns de musicas como no dvd a banda que abriu esse festival e que sem duvida foi muito melhor sua apresentação como algumas já famosas na época estou falando de SWEETWATER.

    ResponderExcluir
  6. cara esse seu blog é de supriender,*ROCK ATÉ O OSSO*

    ResponderExcluir
  7. Marcelo A Lima14/11/11 11:42

    Muito bom meu camarada! Um grande abç. Lemon

    ResponderExcluir
  8. Leonel Fonseca28/01/12 22:54

    Inenarravelmente demais...
    Parabéns pelo belo e raro trabalho aqui disponível...
    Que o responsável pelo blog viva + 200 anos, fazendo
    esse trabalho chegar ao conhecimento de novas gerações,
    garantindo assim a perpetuação do rock de boa qualidade...

    ResponderExcluir
  9. Alex, mto obrigado de vdd cara!

    ResponderExcluir
  10. Irado, valeu irmão

    ResponderExcluir
  11. valeu Alex por essas variedades. Tu e o cara um abraçao. Luciano. Ja to baixaando.

    ResponderExcluir
  12. dilson laurindo rio do sul sc05/05/12 20:26

    ha q saudade da quele tempo. valeu kmarada tu é o cara parabens muita paz p vc.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. José Alves Teixeira (Tex) Garanhuns-PE09/05/12 10:27

      WOODSTOCK onde tudo começou. Guardado na memória daqueles que curtiram e ainda mais nas memórias e nos Corações da Geração que viveu os anos 60. Grande Alex a cada post você se supera e joga emoções em nossas vidas. Valeu mais uma vez Grande Guerreiro do Rock.

      Excluir
  13. É,SEMPRE QUE OUÇO UMAS DESTAS MUSICAS,LEMBRO-ME DO MEU PAI DIZENDO QUE ADORARIA TER ESTADO LÁ ....

    AGORA PODEMOS CURTIR ESSAS OBRAS-PRIMAS JUNTOS !!!!


    VALEU ALEX!

    ResponderExcluir
  14. To baixando tudo pq eu sou malukinhu

    ResponderExcluir
  15. Kra valeu mesmo. Cada vez que ouço essas musicas e vejo a foto da galera no festival me arrepio. Viva o Rock. Viva Woodstock. Viva o Muro. Love and Peace.

    ResponderExcluir
  16. Sempre estive atrás desse material. muito bom mesmo Alex, continue sempre assim
    Abraços

    ResponderExcluir
  17. João Marcelo - Ah!..como eu queria estar lá, viver naquele tempo...

    ResponderExcluir
  18. Parabéns pelo ótimo trabalho realizado no Blog, muito bom mesmo!!!

    ResponderExcluir
  19. Parabéns pelo ótimo trabalho!!! Show!!!!

    ResponderExcluir
  20. parabens pelo seu blog ate hoje nao axei nada igual otimo conteudo

    ResponderExcluir
  21. Numa antiga rádio chamada Atlântida FM, ouvia uns rocks, tipo de música fora do contexto das FMs da época, 1982 para ser mais preciso. Em um dos programas desta rádio especial para mim como são vocês Hoje, eles tocaram toda a parte de Hendrix e seu "bando de ciganos" pirando no Woodstock Festival, e logo eu gravava tudo em fita cassete pois estava começando a cultivar ao Rock e começando minha coleção de vinís. Ouvia insistentemente e em alto volume, para o terror dos vizinhos, a arrepiante parte das improvisações de solos das guinchadas de guitarra em que ele toca "Star Spangled Banner" e depois aquele maravilhoso blues com o qual acaba a música e o filme(primeira edição do filme), quando mostra a desolação dos últimos vestígios do enorme delírio que foi o Festival. Woodstock na minha mente de garoto de 15 anos era muito mais fantástico, do que quando assisti o "real" nas fitas de vídeo dos anos 80 e nos DVDs disponíveis hoje e de certo modo, banalizantes, chego a achar mais louco o Filme "Stamping Ground"(O Woodstock holandês), e depois de ter lido tantas críticas que destroem os sonhos da nossa imaginação. Vale toda a pena fazer o Download deste grande evento que marcou a minha vida e fundou ideologias de "Paz e Amor e Inocência"(com Nixon e Watergate e Guerra do Vietnan de pano de fundo), fatos trágicos que também embelezam, estranhamente, os Festivais desta época, pelo contraste. Muito Bom, tudo na íntegra, tudo ao mesmo tempo agora. Nos anos oitenta tinha acesso apenas aos dois discos, um triplo e outro duplo, o que já era um luxo da serie de luxo da Atantic. TESOUROS da juventude!!!! Vale quanto pesa, Alex & Friends, que fazem do Muro o MELHOR BLOG DE ROCK!!!! "morto de agradecido". Até...

    ResponderExcluir
  22. Grace Slick !!!

    ResponderExcluir
  23. De Moçambique (Maputo), o meu muito obrigado. Tenho aqui oportunidade de ter música não disponível no meu país. Estamos juntos.

    ResponderExcluir
  24. adrian romero31/07/14 19:24

    hermoso de verdad muchas gracias , saludos desde Ecuador

    ResponderExcluir

Este blog não atende pedidos e sugestões de discografias, emails ignorando esse aviso serão marcados como spam.