Please enable / Bitte aktiviere JavaScript!
Veuillez activer / Por favor activa el Javascript![ ? ]

13 de dezembro de 2010

The Black Crowes - Discografia.

The Black Crowes foi uma banda de rock norte-americana de Atlanta, Georgia. O grupo começou em 1985 e vendeu até hoje mais de 15 milhões de álbuns. A banda ocupa a posição 92 na lista dos 100 Maiores Artistas de Hard Rock da VH1. 

A banda é uma das mais eficazes maquinas no campo das guitarrices e psicodelias em geral. O grupo mostra nos seis discos lançados e ao vivo que é muito mais do que uma cópia de The Rolling Stones ou The Faces – a quem são frequentemente associados. 

Com integrantes não muito mais velhos que suas próprias tendências, a banda tem a aparência tipicamente roqueira: cabelos longos, roupas aveludadas, coletes e físicos impossivelmente fracos. Além disso, aquele tradicional som “blueseiro” e alcoólatra. 

O vocalista Chris Robinson é um dos mais intrigantes showmen do rock atual. Com voz de Rod Stewart, trejeitos de Mick Jagger e visual glam inspirado em David Bowie, ele faz a linha de frente do Black Crowes com seu irmão Rich Robinson, que fundiu em sua guitarra a magreza de Keith Richards e a sensação rítmica suja de Ron Wood. 

Stan, o pai dos irmãos Robinson, foi cantor e teve até uma música pop famosa chamada “Boom-a-Dip-Dip”. Ele sempre desencorajou os filhos a se tornarem músicos profissionais, mas por volta de 1984 eles já estavam formando a banda Mr. Crowe’s Garden (nome do conto de fadas preferido dos Robinson), que logo passou a se chamar simplesmente Black Crowes e culminou com Chris abandonando a faculdade. 

Black Crowes pode ser definido como a fusão de hard rock com rock psicodélico, misturando um blues pesado com rock básico. Com essa mescla convocaram o baixista Johnny Colt, o guitarrista Jeff Cease e o baterista Steve Gorman para gravarem o primeiro disco. Lançado em 1990, Shake Your Moneymaker é uma forte investida na mistura rock/blues e a estreia é surpreendente. O disco vendeu mais de 4 milhões de cópias e com ele a banda foi eleita revelação do ano pelos críticos norte-americanos. “Twice As Hard”, “Jealous Again” e “Hard To Handle”, de Otis Redding são algumas das pérolas do álbum, sem contar a lindíssima balada “She Talks To Angels”, que sozinha vale o disco. 

Em março de 1991, os Black Crowes foram convidados para abrir shows do ZZ Top. Durante a tour, Chris Robinson fez algumas observações sarcásticas sobre comercialismo e foram expulsos após expressarem suas opiniões sobre manter bandas de rock livres da incorporação de patrocinadores, já que a marca de cerveja que estava realizando a excursão, obviamente, não gostou nem um pouco da ideia. 

Dois meses depois a banda sairia em turnê própria, abrindo seus shows com um ato da ópera Maggie’s Dream. Como se pode perceber, Chris Robinson não é uma pessoa fácil, e na mesma época foi preso por agressão e por perturbar a paz depois de discutir com uma cliente de uma loja de conveniência em Denver. Passou três meses brigando na Justiça, onde conseguiu o direito de cumprir 6 meses de trabalho comunitário em liberdade após desembolsar 530 dólares de multa. 

Chris desmoronou em desnutrição e esgotamento durante a passagem da banda pelo Reino Unido, onde estava sendo altamente requisitada. Mal se recuperou dos problemas de saúde e o vocalista levou sua banda ao Monsters Of Rock em Moscou, na Rússia. 

Jeff Cease é então substituído pelo guitarrista Marc Ford, vindo da banda Burning Tree, de Los Angeles. O Crowes apoia a retórica a favor da maconha, tocando no Great Atlanta Pot Festival, organizado pela National Organization to Reform Marijuana Laws, algo como Organização Nacional Para Reforma das Leis da Maconha. 

No segundo trimestre de 1992 é lançado o segundo álbum, chamado The Southern Harmony And Musical Companion. O sucesso permite experimentações e a banda mergulha no psicodelismo. Músicas como “Remedy”, “Thorn In My Pride”, “Sometimes Salvation” e a inspiradíssima versão de “Time Will Tell”, de Bob Marley, levam o álbum ao topo da parada norte-americana e ao segundo lugar da parada inglesa. 

Com o sucesso, a banda se estabeleceu como uma atração obrigatória nos concertos populares de verão nos EUA. Ainda em 1992 a banda adicionou o tecladista Eddie Hersch ao grupo como um integrante permanente. 

Em fevereiro de 1993, um show com entrada gratuita em Houston ocasionou uma verdadeira invasão ao local da apresentação, fazendo com que a segurança da própria banda estivesse ameaçada. Porém, o êxtase dos fãs e o bom trabalho da polícia fizeram do show um fato marcante na história da banda. 

Em março do mesmo ano a banda encerraria um show em Louisville, Kentucky, após tocar apenas uma música, devido a problemas no backstage entre os roadies e oficiais da divisão de narcóticos do estado. Neste mesmo dia, o chefe de segurança e o supervisor comercial da banda foram presos após agredirem os policiais. 

A fórmula dos álbuns anteriores é levada às últimas consequências no terceiro disco Amorica, lançado em 1994. Eles carregam no experimental em “Gone” e “A Conspiracy”, na melodia em “Wiser Time” e no groove em “P.25 London”.

Amorica chega ao top 10 da parada norte-americana, mas a marca principal do disco foi a capa, que mostra o close de uma mulher de biquíni, que tem parte de seus pelos púbicos expostos. A ilustração do biquíni possui desenhos que remetem a bandeira norte-americana, por isso algumas tiragens tiveram sua capa alterada devido a atritos com autoridades governamentais. 

“Eu sei que isso é o que nós queremos ser e onde queremos viver, por isso estamos presos na América”, explica Chris Robinson sobre a inspiração do título de Amorica. Durante a turnê deste disco, a banda vai ao Brasil e faz um show com longas jam sessions. 

Em julho de 1996 sai o quarto álbum da banda, Three Snakes And One Charm, com Eddie Harsch tocando teclados. Problemas de relacionamento pessoal e musical entre os irmãos Robinson quase decretam o fim. Muita loucura e a falta de uma direção musical resultam em um trabalho irregular. Destaques para “Blackberry”, “Good Friday” e “Evil Eye”. 

Em agosto de 1997, Marc Ford é despedido depois de cinco anos como guitarrista da banda. Poucos meses depois, o baixista Johnny Colt também sai, entrando em seu lugar Sven Pipien, ex-Mary My Hope. Após assinarem contrato com a Columbia Records, é lançado em 1998 o quinto álbum, By Your Side.

Produzido por Kevin Shirley, um dos colaboradores do Aerosmith, o disco é uma espécie de retorno às origens. Musicalmente, os irmãos Robinson nunca estiveram tão entrosados. O rockão “Go Faster”, o já sucesso “Kickin’My Heart Around” e a porrada “HorseHead” fazem deste um álbum coeso. 

Saem em turnê durante seis semanas, a qual foi chamada de “Sho’ Nuff” e no mesmo ano lançam uma box set com os cinco discos da banda remasterizados chamada SHO’NUFF – The Complete Black Crowes, cada um com músicas inéditas ou versões alternativas, mais um CD extra gravado ao vivo durante a tour. 

No mesmo ano a banda une-se a Jimmy Page para uma série de apresentações nos EUA e Inglaterra. Em 2000 lançam o álbum Jimmy Page and the Black Crowes Live at the Greek, que consiste principalmente nos padrões Led Zeppelin de se fazer música. Versões de clássicos zeppelianos com o toque especial dos irmãos Robinson fazem deste um disco empolgante do começo ao fim, com destaque para a alucinante versão de “Ten Years Gone”. Esse álbum arrepiou alguns conservadores no mundo da indústria fonográfica, por sua distribuição inicial ter sido feita online. O excelente guitarrista Audley Freed, ex-Cry Of Love, também fez parte da formação da banda que acompanhou a turnê com Jimmy Page. 

Em 8 de Maio de de 2001 a banda lança seu sexto álbum de estúdio Lions,, que inclue músicas como “Miracle To Me”, “Losing My Mind”, “Soul Singin”, “Cosmic Friend” e etc. 

Mas em 2002 o Black Crowes anunciam um “hiato por tempo indeterminado”. Muitos decretaram que esse era o fim da banda, ocasionado por problemas de relacionamento entre os membros e principalmente devido ao casamento de Chris Robinson com a atriz Kate Hudson . 

Durante este período, Chris lançou dois discos solo: New Earth Mud (2003) e This Magnificent Distance (2004). Seu irmão, Rich Robinson, também lança um disco próprio: Paper (2004). 

Após mais de 3 anos, em 2005, o Black Crowes, retornou aos palcos num clima eufórico e intimista. O primeiro show, no dia 14 de Março de 2005, ocorreu no pequeno bar “Staircase”, na cidade de Pittson-PA. O curioso é que nesses shows em bares, os Black Crowes estavam com outro nome. 

Mr.Crowe’s Garden, que era o nome da banda antes do estrelato, foi o codinome do grupo para despistar a grande imprensa. Sendo assim, somente os verdadeiros fãs atentos iriam aos concertos. Esses shows, que também serviram para aquecer as turbinas da banda, duraram uma semana. O tão aguardado show oficial de retorno dos Black Crowes se deu no dia 22 de Março de 2005, em Nova York, no Hammerstein Ballroom. Ingressos esgotados e uma noite com graneds clássicos da banda. 

Com exceção do baterista Steve Gorman, que anda parado com a música, os Black Crowes voltaram com Chris Robinson (vocal), Rich Robinson (guitarra e voz), Sven Pipien (baixo), Ed Harsch (teclado), Bill Dobrow (bateria), além do grande guitarrista Marc Ford, que após a saída dos Crowes em 1997, andou tocando com Gov’t Mule e Ben Harper. 

Steve Gorman retornou a banda na segunda metade de 2005. No mesmo ano, realizaram uma curta turnê com Tom Petty and the Heartbreakers. 

Em 21 de Março de 2006, Black Crowes lançou seu primeiro DVD oficial, intitulado “Freak n’ Roll… Into The Fog”, que traz um show ao vivo gravado no histórico Fillmore Auditorium em San Francisco, Califórnia. O DVD traz ainda material bônus com cenas de bastidores. 

A banda encerrou as suas atividades em 2015 por divergências pessoais, segundo Rich Robinson. Texto: Wikipédia. 

Integrantes.

Última Formação.

Chris Robinson (Vocais, 1989-2002, 2005-2011, 2013-2015)
Rich Robinson (Guitarra, 1989-2002, 2005-2011, 2013-2015)
Steve Gorman (Bateria, 1989-2002, 2005-2011, 2013-2015)
Sven Pipien (Baixo, 1997-2000, 2005-2011, 2013-2015)
Adam Macdougall (Teclados, 2007-2011, 2013-2015)
Jackie Greene (Guitarra, 2013-2015)

Ex-Integrantes.

Johnny Colt (Baixo, 1989-1997)
Jeff Cease (Guitarra, 1989-1991)
Eddie Harsch (Teclados, 1991-2002, 2005-2006)
Marc Ford (Guitarra, 1991-1997, 2005-2006)
Audley Freed (Guitarra, 1997-2002)
Greg Rzab (Baixo, 2000-2001)
Andy Hess (Baixo, 2001-2002)
Bill Dobrow (Bateria, 2005)
Paul Stacey (Guitarra, 2006-2007)
Rob Clores (Teclados, 2006-2007)
Luther Dickinson (Guitarra, 2007-2011)

Senha dos Arquivos: muro

Password Files: muro


Bitrate: 320Kbps.

Álbuns.

Shake Your Money Maker (1990)
 
01. Twice As Hard
02. Jealous Again
03. Sister Luck
04. Could I've Been So Blind
05. Seeing Things
06. Hard To Handle
07. Thick n' Thin
08. She Talks To Angels
09. Struttin' Blues
10. Stare It Cold
11. Mercy, Sweet Moan (Live Too Fast Blues)


The Southern Harmony And Musical Companion (1992)
 
01. Sting Me
02. Remedy
03. Thorn In My Pride
04. Bad Luck Blue Eyes Goodbye
05. Sometimes Salvation
06. Hotel Illness
07. Black Moon Creeping
08. No Speak No Slave
09. My Morning Song
10. Time Will Tell


Amorica (1994)
 
01. Gone
02. A Conspiracy
03. High Head Blues
04. Cursed Diamond
05. Nonfiction
06. She Gave Good Sunflower
07. P. 25 London
08. Ballad In Urgency
09. Wiser Time
10. Downtown Money Waster
11. Descending
12. Tied Up And Swallowed (Bonus Track)


Three Snakes & One Charm (1996)
 
01. Under A Mountain
02. Good Friday
03. Nebakanezer
04. One Mirror Too Many
05. Blackberry
06. Girl From A Pawnshop
07. (Only) Halfway To Everywhere
08. Bring On, Bring On
09. How Much For Your Wings?
10. Let Me Share The Ride
11. Better When You’re Not Alone
12. Evil Eye


Souled Out Live (EP 1998)
 
01. Go Faster (Studio)
(Live)
02. Go Faster
03. Kickin' My Heart Around
04. My Morning Song
05. Blackberry
06. No Speak No Slave
07. Remedy


By Your Side (1999)
 
01. Go Faster
02. Kickin’ My Heart Around
03. By Your Side
04. Horsehead
05. Only A Fool
06. Heavy
07. Welcome To The Good Times
08. Go Tell The Congregation
09. Diamond Ring
10. Then She Said My Name
11. Virtue And Vice


Jimmy Page & The Black Crowes - Live At The Greek (2000)
 
CD 1.

01. Celebration Day
02. Custard Pie
03. Sick Again
04. What Is And What Should Never Be
05. Woke Up This Morning
06. Shapes Of Things
07. Sloppy Drunk
08. Ten Years Gone
09. In My Time Of Dying
10. Your Time Is Gonna Come

CD 2. 

01. The Lemon Song
02. Nobody’s Fault But Mine
03. Heartbreaker
04. Hey Hey What Can I Do
05. Mellow Down Easy
06. Oh Well
07. Shake Your Money Maker
08. You Shook Me
09. Out On The Tiles
10. Whole Lotta Love


Lions (2001)
 
01. Midnight From the Inside Out
02. Lickin’
03. Come On
04. No Use Lying
05. Losing My Mind
06. Ozone Mama
07. Greasy Grass River
08. Soul Singing
09. Miracle to Me
10. Young Man, Old Man
11. Cosmic Friend
12. Cypress Tree
13. Lay It All on Me


Live (2002)
 
CD 1.

01. Midnight From The Inside Out
02. Sting Me
03. Thick & Thin
04. Greasy Grass River
05. Sometimes Salvation
06. Cursed Diamond
07. Miracle To Me
08. Wiser Time
09. Girl From A Pawnshop
10. Cosmic Friend

CD 2.

01. Black Moon Creeping
02. Hi Head Blues
03. Title Song
04. She Talks To Angels
05. Twice As Hard
06. Lickin’
07. Soul Singing
08. Hard To Handle
09. Remedy


Freak ‘n’ Roll … Into The Fog (Live 2006)
 
CD 1.

01. (Only) Halfway to Everywhere
02. Sting Me
03. No Speak No Slave
04. Soul Singing
05. Welcome to the Good Times
06. Jealous Again
07. Space Captain
08. My Morning Song
09. Sunday Night Buttermilk Waltz

CD 2.

01. Cursed Diamond
02. She Talks to Angels
03. Wiser Time
04. Non Fiction
05. Seeing Things
06. Hard to Handle
07. Let Me Share the Ride
08. Mellow Down Easy
09. Remedy
10. The Night They Drove Ol’ Dixie Down


The Lost Crowes (Coletânea 2006)
 
CD 1: The Band Sessions.

01. Paint an 8
02. Another Roadside Tragedy
03. If It Ever Stops Raining
04. Wyoming & Me
05. Predictable
06. Never Forget This Song
07. Lifevest
08. Grinnin
09. My Heart’s Killing Me
10. Peace Anyway

CD 2: The Tall Sessions.

01. A Conspiracy
02. Evil Eye
03. Cursed Diamond
04. London P.25
05. Dirty Hair Halo
06. Hi-Head Blues
07. Feathers
08. Nonfiction
09. Tied Up and Swallowed
10. Wiser Time
11. Sunday Buttermilk Waltz
12. Descending
13. Lowdown
14. Tornado
15. Song of the Flesh
16. Thunderstorm 654


Warpaint (2008)
 
01. Goodbye Daughters of the Revolution
02. Walk Believer Walk
03. Oh Josephine
04. Evergreen
05. Wee Who See The Deep
06. Locust Street
07. Movin’ On Down The Line
08. Wounded Bird
09. God’s Got It
10. There’s Gold In Them Hills
11. Whoa Mule

Link.

Warpaint Live (2009)
 
CD 1.

01. Goodbye Daughters Of The Revolution
02. Walk Believer Walk
03. Oh Josephine
04. Evergreen
05. Wee Who See The Deep
06. Locust Street
07. Movin’ On Down The Line
08. Wounded Bird
09. God’s Got It
10. There’s Gold In Them Hills
11. Whoa Mule

CD 2.

01. Poor Elijah/Tribute To Johnson (Medley)
02. Darling Of The Underground Press
03. Bad Luck Blue Eyes Goodbye
04. Don’t Know Why
05. Torn & Frayed
06. Hey Grandma


Before The Frost… (2009)
 
01. Good Morning Captain
02. Been A Long Time (Waiting On Love)
03. Appaloosa
04. A Train Still Makes A Lonely Sound
05. I Ain’t Hiding
06. Kept My Soul
07. What Is Home?
08. Houston Don’t Dream About Me
09. Make Glad
10. And The Band Played On
11. The Last Place That Love Lives


…Until The Freeze (2009)
 
01. Aimless Peacock
02. Shady Grove
03. Garden Gate
04. Greenhorn
05. Shine Along
06. Roll Old Jeremiah
07. Lady of Avenue A
08. So Many Times
09. Fork in the River


Croweology (Coletânea 2010)
 
CD 1.

01. Jealous Again
02. Share The Ride
03. Remedy
04. Non-Fiction
05. Hotel Illness
06. Soul Singing
07. Ballad In Urgency
08. Wiser Time
09. Cold Boy Smile
10. Under A Mountain

CD 2.

01. She Talks To Angels
02. Morning Song
03. Downtown Money Waster
04. Good Friday
05. Thorn In My Pride
06. Welcome To The Good Times
07. Girl From A Pawnshop
08. Sister Luck
09. She
10. Bad Luck Blue Eyes Goodbye


Wiser For The Time (Live 2013)
 
CD 1.

01. Cursed Diamond
02. Sister Luck
03. Smile
04. Downtown Money Waster
05. Hot Burrito #1
06. Hot Burrito #2
07. Garden Gate
08. Better When You're Not Alone
09. Darling of the Underground Press
10. Jealous Again
11. Hotel Illness
12. Thunderstorm
13. Oh the Rain

CD 2.

01. Soul Singing
02. Tonight I'll Be Staying Here With You
03. Exit
04. No Speak No Slave
05. Only Halfway to Everywhere
06. A Conspiracy
07. Title Song
08. My Morning Song/Stare It Cold
09. Tied Up And Swallowed
10. Make Glad
11. Waiting Gulity
12. She Talks to Angels
13. Willin'

Link.

Senha dos Arquivos: muro

Password Files: muro

E-mail de contato para links quebrados ou outros problemas: murodoclassicrock@gmail.com

Antes de comentar leia as regras que estão próximas do formulário, comentários desrespeitando as mesmas, não serão publicados e nem atendidos.

19 comentários :

  1. Sou Leandro Arruda e venho agradeçer pela postagem. Te sigo desde os primordios, Thanks men.

    ResponderExcluir
  2. Uma das melhores bandas dos anos 90.
    Todos os discos são bons,nunca se reiventaram e nunca se venderam pra ninguém.

    ResponderExcluir
  3. Uma das melhores bandas da historia, donos de uma das discografias mais dignas da historia do rock...
    quem escutar influencias setentistas declaradas basta baixar os discos desses caras
    obrigatorio

    ResponderExcluir
  4. Olá amigo,
    agradeço imensamente pelas postagens. Ouvi de um garoto de 19 anos e vim conferir. Fantáástico!!!
    Grato,
    Paulo

    ResponderExcluir
  5. Daniel Lamartine07/07/11 23:57

    Uma das pouquíssimas bandas que gosto dos anos 90. Rock de qualidade.

    ResponderExcluir
  6. Uma das minhas preferidas...junta o melhor dos Stones com o melhor do Led.

    ResponderExcluir
  7. Agradeço pela excelente discografia dessa banda, que é uma das melhores que já vi!
    Parabens!!!!
    vida longa ao muro!!!

    ResponderExcluir
  8. Átila Ribeiro06/01/12 03:34

    É muito bom saber que mais uma vez uma banda dos anos 90 conseguiu sussesso na mídia fazendo um Rock de muita qualidade e mantendo o estilo original dos anos 70 ! mais uma pérola para a minha coleção ; obrigado Alex .

    ResponderExcluir
  9. Uma das melhores bandas dos anos setentistas nascida na década de 90!!!

    ResponderExcluir
  10. Muito obrigado pelo post! Procuro esses links a muito tempo, belo trabalho!

    ResponderExcluir
  11. Obrigado pelas postagens. Baixei também o do VIMANA que é raríssimo. Forte abraço. Beto de Niteroi

    ResponderExcluir
  12. Minha banda predileta. A voz de Chris Robinson é algo impressionante, além do sentimento que ele põe nas musicas. Os discos solo dele, são bem impressionante também.

    ResponderExcluir
  13. Muchas gracias x la música compartida¡¡
    Enhorabuena x el blog¡¡ Gracias¡¡

    ResponderExcluir
  14. Obrigada por mais uma bela discografia!
    Flávia

    ResponderExcluir
  15. la mejor banda de rock de todo el mundo

    ResponderExcluir
  16. Cara...mto fera seu trabalho...parabéns

    ResponderExcluir
  17. Pow, cara! Sensacional! Obrigado pelo post, estava atrás dessa discografia já há algum tempo. E o blog inteiro está de parabéns, muito bom mesmo. Já até adicionei aos meus favoritos! Valeu!

    Israel

    ResponderExcluir
  18. fodástica esta discografia. muito obrigado.
    pimbox

    ResponderExcluir

Todos comentários aparecem após a aprovação, portanto aguarde a moderação do seu comentário sem precisar repeti - ló várias vezes.

Perguntas, avisos ou problemas no blog, serão atendidos somente através do e-mail: murodoclassicrock@gmail.com

Quem insistir em escrever nos comentários será ignorado e o problema não será corrigido.

Por vários motivos esse Blog não atende pedidos de discografias, e-mails ignorando este aviso serão marcados como Spam.

Links alheios não serão permitidos.

Respeite os gostos e opiniões alheias, críticas, ofensas e discussões com palavras de baixo calão não serão permitidas.