Please enable / Bitte aktiviere JavaScript!
Veuillez activer / Por favor activa el Javascript![ ? ]

11 de dezembro de 2010

Jericho - Discografia.

A banda Jericho Jones, originária de Israel, apesar de uma pequena discografia, teve três nomes durante sua existência. Eles iniciaram suas atividades ainda em Israel em meados de 1968 com o nome de The Churchill's. Com o objetivo de se projetar no cenário roqueiro, a banda tomou duas ati tudes: primeiro, mudou-se para a Inglaterra; segundo, trocou o nome para Jericho Jones, pois The Churchills poderia não ser tão bem aceito na Inglaterra, terra de Wilston Churchill. Os músicos eram Alain Romano (Guitarra), Mike Gabrielle (Baixo), Robb Huxley (guitarra), Danny Shoshan (Vocal) e Ami Criebich (bateria). Com este nome e formação, a banda iniciou sua carreira discográfica com o excelente álbum Junkies, Monkeys & Donkeys, de 1971. 

O álbum é uma mistura de hard rock com alguns momentos que lembram o psicodelismo do final dos anos 60. Destacando a faixa-título, Junkies, Monkeys & Donkeys, enigmática, progressiva, lembrando inevitavelmente Led Zeppelin. A primeira faixa é More Tranquilitatas, cujo trabalho instrumental é o grande destaque. A faixa começa numa levada pop da época, dando a impressão de que o álbum irá seguir esta linha. Em seguida, Main in the Crowd mostra a que veio o Jericho. Faixa pesada, com grande trabalho de guitarra, enfim, puro hard rock da melhor safra. A música seguinte, There is Always a Train prova que o disco realmente é muito bom. Com um belo dueto vocal, violões e guitarras bem dosadas. A faixa seguinte, Yellow and Blue, é uma balada que neste momento cai muito bem e serve de aperitivo para o restante do álbum. O início da próxima faixa, Freedom, lembra bastante o ritmo de Cocaine de J.J. Cale e gravada também por Eric Clapton. Segue-se a instrumental Triangulum e a óti ma No School To-Day. O disco, com dez canções, chega ao final com a melhor faixa da obra. Chamada What Have We Got to Lose é uma música ótima, combinação de peso, melodia e um grande instrumental. O Jericho Jones (ou Jericho) pode não ter alcançado um grande sucesso em sua época, mas é inegável sua qualidade, estilo próprio e grande capacidade de criar grandes canções. 

Em 1972 o grupo passou a se chamar apenas Jericho, e gravou o Jericho (1972). O play é um desbunde pra quem curte hard rock setentista. O disco, traz cinco faixas de um hard rock complexo, com longas passagens instrumentais e alguns toques de progressivo. A faixa de abertura, “Ethiopia”, é um proto-metal competente, mas os melhores momentos do trabalho estão em “Don´t You Let Me Down”, na ótima “Featherbed”, na sensacional “Justin and Nova” – que conta inclusive com um arranjo de cordas – e no encerramento, com “Kill Me With Your Love”. 

Mesmo ouvindo várias bandas da época, seguramente podemos classificar o Jericho como uma das melhores bandas de rock pesado. Sua força instrumental é fantástica, além de contar com um vocalista excelente. Muitos anos depois Danny Shoshan voltou às atividades, mantendo um trio de blues, lançando discos e tocando em bares por seu país natal. Fonte: Livro - Rock Raro - O Maravilhoso e desconhecido mundo do rock.  (www.rockraro.com.br)

Integrantes.

Haim Romano (Guitarra)   
 Danny Shoshan (Vocais e Arranjos de Cordas)
Ami Triebich (Bateria)
Rob Eberhard Young (Piano e Arranjos de Cordas)
Michael Gabriellov (Baixo)
Robb Huxley (Guitarra e Arranjos de Cordas)
Ellis Elias (Produtor)
Todd Rundgren (Engenheiro de Produção)

Senha dos Arquivos: muro

Password Files: muro


Bitrate: 320Kbps.

Álbuns.

The Churchill's - Churchill's (1968)
 
01. Open Up your Eyes
02. Songs From The Sea
03. Pictures In My Mind
04. Comics
05. When You're Gone
06. Strangulation
07. Straight People
08. Subsequent Final
09. So Alone Today
10. Debka
Bonus Tracks.
11. Living Loving
12. Signs Of You
13. She's A Woman
14. Sunshine Man
15. Too Much In Love To Hear
16. Talk To Me
17. Coming Home
18. Double Concerto
19. Chorale For The Young Lovers
 


Jericho Jones - Junkies, Monkeys & Donkeys (1971)
 
01. Mare Tranquilitatas
02. Man in the Crowd
03. There is Always a Train
04. Yellow and Blue
05. Freedom
06. Triangulum
07. No School to Day
08. Junkies, Monkeys & Donkeys
09. Time is Now
10. What Have We Get to Lose
Bonus Tracks.
11. Mama's Gonna Take You Home
12. So Come On
13. Mona Mona
14. Champs
15. Hey Man
 


Jericho (1972)
 
01. Ethiopia
02. Don’t You Let Me Down
03. Featherbed
04. Justin and Nova
05. Kill Me With Your Love
 


Senha dos Arquivos: muro

Password Files: muro

E-mail de contato para links quebrados ou outros problemas: murodoclassicrock@gmail.com

Antes de comentar leia as regras que estão próximas do formulário, comentários desrespeitando as mesmas, não serão publicados e nem atendidos.

19 comentários :

  1. Tá aí uma bada que não conhecia, muito boa. Um jóia rara mais uma vez estou em dívida com o Muor Do Classic Rock. Thanks!!

    ResponderExcluir
  2. Daniel Lamartine11/12/2010 08:57

    Excelente banda, hard rock de qualidade.
    Mais uma pérola que não conhecia.
    Valeu Alex, parabéns pelo trabalho!

    ResponderExcluir
  3. Luiz Padilha17/06/2011 10:59

    Valeu pela oportunidade de poder conhecer algumas bandas "novas".

    estou curtindo muito este site.

    ResponderExcluir
  4. não conhecia essa banda!
    muito boa!!

    Valeu Alex!

    ResponderExcluir
  5. Eu morei em Israel e a cena rockeira lá (bandas, shows internacionais, rock pubs) é simplesmente avassaladora!

    ResponderExcluir
  6. Só faltava alguém dizer que conhecia a banda... Cara, de onde vc tira essas pérolas?!?

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Eu conhecia, haha!
      Já havia escutado o álbum “Junkies Monkeys & Donkeys”, quando a banda se chamava Jericho Jones... pra quem gostou de Jericho, vale a pena dar uma pesquisada neste trabalho anterior.

      Ademais, obrigado Alex por mais esta pérola!

      Excluir
    2. Marco Aurélio - Muriaé-MG20/03/2014 08:04

      Cara, eu conhecia inclusive tenho o álbum JERICHO, que para mim é um álbum referencial quando cito bandas que não fizeram sucesso na mídia aqui na nossa terrinha e quem tem grandes discos como é o caso da banda Cactus, Highway, Wishbone Ash, entre outras.

      Excluir
  7. Cara!!! Pusta som do carai!!!

    ResponderExcluir
  8. Alex, teu blog é realmente sensacional! Não conheço essa banda, vou baixar o cd agora. Tenho certeza que deve ser um som de alta qualidade!

    ResponderExcluir
  9. Sonzera animalesca e sensacional.Valeu Alex!!!!

    ResponderExcluir
  10. Este blog... caramba, mal dá pra acreditar que ele existe. Incrível, incrível mesmo. Parabéns.

    ResponderExcluir
  11. Banda do caralho. Sem mais.

    ResponderExcluir
  12. Há anos já escuto Jericho e com toda certeza umas das melhores pérolas perdidas de todos os tempos!!! O Albúm de 1972 é simplesmente fantástico!!! Banda excepcional, podem baixar que é altamente recomendado!!! Valeu Alex!!! Valeu Muro por mais essa preciosidade!!!

    ResponderExcluir
  13. classic simplesmente classic.valeu

    ResponderExcluir
  14. ALEX, VOCÊ SEMPRE SURPREENDE, MAIS UMA ÓTIMA BANDA DOS ANOS 70, UM SOM COM FEELING, OBRIGADO E MAIS, MUITO MAIS!!!

    ResponderExcluir
  15. Featherbed so esta ja vale o disco jericho que banda legal valeu muro

    ResponderExcluir
  16. Que beleza essa banda, valeu Alex.

    ResponderExcluir

Todos comentários aparecem após a aprovação, portanto aguarde a moderação do seu comentário sem precisar repeti - ló várias vezes.

Perguntas, avisos ou problemas no blog, serão atendidos somente através do e-mail: murodoclassicrock@gmail.com

Quem insistir em escrever nos comentários será ignorado e o problema não será corrigido.

Por vários motivos esse Blog não atende pedidos de discografias, e-mails ignorando este aviso serão marcados como Spam.

Links alheios não serão permitidos.

Respeite os gostos e opiniões alheias, críticas, ofensas e discussões com palavras de baixo calão não serão permitidas.