Please enable / Bitte aktiviere JavaScript!
Veuillez activer / Por favor activa el Javascript![ ? ]

21 de dezembro de 2010

Pantera - Discografia.

Pantera foi uma banda popular de metal, originária da cidade de Arlington, Texas, EUA. 

Formada em 1981, a banda atingiu muito sucesso após a segunda metade da década de 80 quando a popularidade do heavy metal começava a cair.

Inicialmente fazendo um som mais voltado ao glam hard rock, partiram então para o som mais pesado do metal moderno (ou o chamado “power-groove”, termo cunhado pela própria banda pois boa parte de suas músicas possuíam riffs marcantes). 

O Pantera lançou três discos (Metal Magic, de 1983, Projects In The Jungle, de 1984 e I Am The Night, de 1985) antes de demitir o então vocalista Terry Glaze para a entrada de Phil Anselmo no quarto disco, Power Metal, de 1988. Na época, Glaze teria sido informado sobre assinar com uma gravadora pertencente a Gene Simmons do Kiss, mas Terry rejeitou o contrato e foi mandado embora. Os membros restantes encontraram Phil Anselmo em Nova Orleans e produziram Power Metal, uma gravação onde Phil regravou algumas canções cantadas originalmente por Glaze, além de algumas originais. 

De Metal Magic até I Am The Night, a banda seguiu pelo caminho do glam metal, porém com a entrada de Phil Anselmo nos vocais (que havia saido de uma banda de hard rock de Nova Orleans chamada “Razor White”, que lançou um disco com outro vocalista por volta de 1991), tomaram a decisão de partir para um som mais pesado. Com Power Metal, alguns riffs do thrash metal são notados em músicas como ‘Over And Out’ e ‘Death Trap’, enquanto algumas músicas no estilo hard rock e com apelo mais comercial ainda persistem, como ‘Hard Ride’ e ‘Proud To Be Loud’. 

Em 1989, a banda assinou com a gravadora ATCO, após um executivo da gravadora ter ficado impressionado com um show da banda. O material novo visto pelo executivo, era um repertório com as músicas antigas mais pesadas e as novas que eram mais pesadas ainda. Alguns ‘bootlegs’ com shows dessa época são encontrados na internet, e ironicamente chamados de “Glamtera”, devido ao visual ainda “poser”. 

O primeiro álbum de sucesso comercial foi Cowboys From Hell, de 1990. Neste ponto, a música do Pantera ainda era fortemente influenciada por heavy metal clássico, com vocais ao estilo de Rob Halford do Judas Priest e riffs e solos mais complexos do guitarrista Dimebag Darrell, embora o álbum também tenha começado a demonstrar um estilo muito mais extremo do que os trabalhos anteriores. O thrash metal veio a influenciar esse disco ainda mais, e músicas como “Cowboys From Hell”, “Psycho Holiday” e “Domination” demostram bem isso, enquanto “Cemetery Gates” e “Shattered” ainda demonstram as antigas influências. A banda dava início à sua fase de Thrash/Groove ou Thrash Groovado, como denominou o pesquisador musical brasileiro Glaydson Barros. 

O álbum de maior sucesso foi Vulgar Display of Power, de 1992, onde os vocais em falsete foram substituídos por vocais gritados mais influenciados pelo hardcore e um som de guitarra muito mais pesado. O disco rendeu a grandes sucessos que tornariam-se hinos da banda, como “Walk” e “Mouth For War”, ambas muito circuladas na MTV. Outras como a violenta “Fucking Hostile” e “This Love, uma balada linda com um refrão bem pesado, seriam mais aclamadas entre os fãs. 

A extensão do crescimento de popularidade deste álbum pode ser vista no sucesso instantâneo do álbum seguinte, Far Beyond Driven, de 1994, que estreou no topo das paradas americana e australiana de discos, sendo o primeiro disco de metal a conseguir tal feito, apesar da crise de metal na América na época. Neste disco, o som tomou um rumo mais extremo, com mais berros e solos gritantes, como em “Strenght Beyond Strenght” e “Becoming”. Nota-se a influência de bandas como Helmet na pesada “Five Minutes Alone” (que virou um grandioso sucesso nas rádios e na MTV) e a escandalosa “Good Friends and a Bottle of Pills”. A surpresa para os fãs foi uma cover do Black Sabbath, “Planet Caravan” na última faixa. 

O próximo álbum, The Great Southern Trendkill, foi lançado em 1996. O álbum fez um sucesso moderado, especialmente considerando a época em que foi lançado e por ter se direcionado para um lado completamente violento, berrado e brutal da banda. Horas beirando o grindcore berradíssimo em “Suicide Note II”. O disco ficou mais no gosto dos fãs, apesar do que trazia um Pantera diferente dos lançamentos anteriores. A música “Drag The Waters” chegou a rolar de maneira considerativa na MTV, porém a banda cairia em termos de popularidade. 

O último disco do Pantera, de 2000, foi Reinventing The Steel, incluindo os singles “Goddamn Electric” e “Revolution is My Name”. Esta última seria a que mais se destacou do álbum, que era mais rock’n roll e traziam outros timbres de bateria e guitarra. “We’ll Grind this Ax for A Long Time”, uma homenagem ao heavy metal em si, cairia no gosto dos fãs. 

A banda se dissolveu depois que Anselmo saiu, em 2001. Ele buscaria outros trabalhos com bandas como Down, embora os irmãos Abbott não tivessem terminado oficialmente a banda até iniciar os trabalhos em seu novo projeto, “New Found Power”. Como nas circunstâncias em que Phil Anselmo saiu do Pantera, os membros restantes ficaram no aguardo que ele retornasse, mas isso nunca aconteceu. Ao invés, Anselmo decidiu continuar com uma de suas (muitas) bandas paralelas, o Superjoint Ritual. Após o lançamento do segundo disco desta banda (A Lethal Dose of American Hatred, de 2003), o baterista Vinnie Paul (Abbott) e Dimebag Darrell (Abbott) formaram o New Found Power, que logo após foi rebatizado como Damageplan. O primeiro e único disco do projeto seria o “New Found Power”, lançado em 2003. 

O fim do Pantera não foi amigável e, subsequentemente, a imprensa provocou uma guerra entre “Superjoint Ritual” e “Damageplan”. Entre as acusações plantadas, dizia-se que Anselmo e os irmãos Abbott tinham dificuldades em concordar sobre que direção eles queriam que a sonoridade do Pantera tomasse. Vinnie Paul e Dimebag chegaram a comentar que Anselmo os forçava a fazer as músicas que ele queria, não podendo assim experimentar e arriscar com suas gravações. Além disso, o vício de Anselmo em drogas (ele já chegou a ter uma overdose de heroína) era conhecido por causar turbulências entre a banda. Por fim, como resultado de outros problemas internos, a relação entre Phil e os irmãos Abbott se deteriorava rapidamente de uma forma geral. No meio do fogo cruzado estava o baixista Rex Brown, que participou do segundo disco do Down, A Bustle In Your Hedgerow, de 2002. 

No dia 8 de dezembro de 2004, um fanático do Pantera chamado Nathan Gale assassinou Dimebag Darrell a tiros na casa de espetáculos Alrosa Villa, em Columbus, Ohio, quando o Damageplan entrou no palco. Um membro da plateia, uma empregada do local e um segurança da banda também foram assassinados antes que Gale fosse morto a tiros pelo policial James Niggemeyer. 

Após a morte de Dimebag, uma reunião do Pantera tornou-se obviamente impossível, mas comentários públicos de Phil Anselmo após o tiroteio sugeriram que ele teria cogitado se reunir com a banda. 

A banda Pantera atingiu um grau de sucesso que poucas outras conseguiram e apesar de a banda ter sido extinta, tem uma legião de fãs até hoje. Texto: Wikipédia. 

Integrantes.

Última Formação. 

Philip Hansen Anselmo (Phil Anselmo) (Vocal, 1987-2003)
Dimebag Darrell (Darrell Abbott) (Guitarra, 1981-2003)
Rex Brown (Rex Rocker) (Baixo, 1982-2003)
Vinnie Paul Abbott (Vincent Abbott) (Bateria, 1981-2003)

Ex-Integrantes.

Donnie Hart (Vocal (1981–1982, apenas ensaios, membro não oficial)
Terry Glaze (Guitarra Rítmica, 1981-1982), Vocal, 1982-1986)
Tommy Bradford (Baixo, Vocal de Apoio, 1981–1982, membro não oficial)

Senha dos Arquivos: muro

Password Files: muro


Bitrate: 192Kbps.

Álbuns.

Metal Magic (1983)
 
01. Ride My Rocket (4:54)
02. I'll Be Alright (3:12)
03. Tell Me If You Want It (3:42)
04. Latest Lover (2:54)
05. Biggest Part Of Me (4:47)
06. Metal Magic (4:19)
07. Widowmaker (3:02)
08. Nothin' On (But The Radio) (3:29)
09. Sad Lover (3:26)
10. Rock Out (5:42)


Projects In The Jungle (1984)
 
01. All Over Tonite (3:34)
02. Out For Blood (3:08)
03. Blue Lite Turnin' Red (1:38)
04. Like Fire (4:01)
05. In Over My Head (3:58)
06. Projects In The Jungle (3:05)
07. Heavy Metal Rules! (4:18)
08. Only Heartbeat Away (4:00)
09. Killers (3:30)
10. Takin' My Life (4:32)


I Am The Nigth (1985)
 
01. Hot And Heavy (4:06)
02. I Am The Night (4:26)
03. Onward We Rock! (3:57)
04. D*G*T*T*M (1:43)
05. Daughters Of The Queen (4:15)
06. Down Below (2:40)
07. Come-On Eyes (4:13)
08. Right On The Edge (4:07)
09. Valhalla (4:05)
10. Forever Tonight (4:08)


Power Metal (1988)
 
01. Rock The World (3:33)
02. Power Metal (3:52)
03. We'll Meet Again (3:53)
04. Over And Out (5:05)
05. Proud To Be Loud (4:01)
06. Down Below (2:50)
07. Death Trap (4:06)
08. Hard Ride (4:15)
09. Burnnn! (3:34)
10. P*S*T* 88 (2:49)


Cowboys From Hell (1990)
 
01. Cowboys From Hell (4:05)
02. Primal Concrete Sledge (2:13)
03. Psycho Holiday (5:18)
04. Heresy (4:46)
05. Cemetery Gates (7:02)
06. Domination (5:03)
07. Shattered (3:22)
08. Clash With Reality (5:26)
09. Medicine Man (5:12)
10. Message In Blood (5:14)
11. The Sleep (5:45)
12. The Art Of Shredding (4:17)


Vulgar Display Of Power (1992)
 
01. Mouth For War (3:57)
02. A New Level (3:58)
03. Walk (5:14)
04. Fucking Hostile (2:49)
05. This Love (6:33)
06. Rise (4:36)
07. No Good (Attack The Radical) (4:48)
08. Live In A Hole (5:01)
09. Regular People (Conceit) (5:27)
10. By Demons Be Driven (4:40)
11. Hollow (5:45)


Far Beyond Driven (1994)
 
01. Strength Beyond Strength (3:39)
02. Becoming (3:05)
03. 5 Minutes Alone (5:49)
04. I'm Broken (4:24)
05. Good Friends And A Bottle Of Pills (2:53)
06. Hard Lines, Sunken Cheeks (7:01)
07. Slaughtered (3:57)
08. 25 Years (6:06)
09. Shedding Skin (5:37)
10. Use My Third Arm (4:52)
11. Throes Of Rejection (5:02)
12. Planet Caravan (4:01)


The Great Southern Trendkill (1996)
 
01. The Great Southern Trendkill (3:58)
02. War Nerve (4:53)
03. Drag The Waters (4:49)
04. 10's (4:58)
05. 13 Steps To Nowhere (3:40)
06. Suicide Note Pt. I (4:56)
07. Suicide Note Pt. II (4:15)
08. Living Through Me (Hell's Wrath) (4:51)
09. Floods (6:34)
10. The Underground In America (4:10)
11. (Reprise) Sandblasted Skin (4:04)


Official Live: 101 Proof (1997)
 
01. A New Level (4:24)
02. Walk (5:50)
03. Becoming (3:59)
04. 5 Minutes Alone (5:36)
05. Sandblasted Skin (4:29)
06. Suicide Note Pt. 2 (4:20)
07. War Nerve (5:21)
08. Strength Beyond Strength (3:37)
09. Dom/Hollow (3:43)
10. This Love (6:57)
11. I´m Broken (4:27)
12. Cowboys from Hell (4:35)
13. Cemetery Gates (7:53)
14. Fucking Hostile (3:56)
15. Where You Come From (5:11)
16. I Can´t Hide (2:16)


Reinvent The Steel (2000)
 
01. Hellbound (2:41)
02. Goddamn Electric (5:03)
03. Yesterday Don't Mean Shit (4:20)
04. You've Got To Belong To It (4:13)
05. Revolution Is My Name (5:17)
06. Death Rattle (3:18)
07. We'll Grind That Axe For A Long Time (3:45)
08. Uplift (3:46)
09. It Makes Them Disappear (6:34)
10. I'll Cast A Shadow (5:19)


Reinventing Hell: The Best Of Pantera (2003)
 
01. Cowboys From Hell (4:07)
02. Domination (5:05)
03. Cemetery Gates (7:03)
04. Mouth For War (3:58)
05. Walk (5:17)
06. This Love (6:34)
07. Fucking Hostile (2:50)
08. Becoming (3:08)
09. I'm Broken (4:26)
10. 5 Minutes Alone (5:52)
11. Planet Caravan (4:06)
12. Drag The Waters (4:57)
13. Where You Come From (5:13)
14. Revolution Is My Name (5:20)
15. Immortally Insane (5:13)
16. The Badge (3:56)


The Best Of Pantera: Far Beyond The Great Southern Cowboys' Vulgar Hits! (2003)
 
01. Cowboys From Hell (4:06)
02. Cemetery Gates (7:03)
03. Mouth For War (3:57)
04. Walk (5:16)
05. This Love (6:34)
06. I'm Broken (4:24)
07. Becoming (3:07)
08. 5 Minutes Alone (5:51)
09. Planet Caravan (4:04)
10. Drag The Waters (4:57)
11. Where You Come From (5:13)
12. Cat Scratch Fever (3:49)
13. Revolution Is My Name (5:19)
14. I'll Cast A Shadow (5:19)
15. Goddamn Electric (4:57)
16. Hole In The Sky (4:16)


Senha dos Arquivos: muro

Password Files: muro

E-mail de contato para links quebrados ou outros problemas: murodoclassicrock@gmail.com

Antes de comentar leia as regras que estão próximas do formulário, comentários desrespeitando as mesmas, não serão publicados e nem atendidos.

42 comentários :

  1. banda muito foda

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Nao conhecia muito pantera mais depois de ouvir The Great South Trendkill, passei a curti o som deles..

      Excluir
  2. Quem quiser uma dica aê.. baixa Cowboys From Hell

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Desculpa aê cara mas o Pantera tem álbuns melhores! Esse que você falou é o álbum dos posers!!

      Excluir
    2. vc já um `POSER por falar de Posers aqui nesse Blog

      Excluir
    3. concordo plenamente com o erick kronos

      Excluir
    4. pessoas assim nao deveriam entrar neste site !
      quanta ignorancia cowboys é um dos melhores albuns sim e eu prefiro ele entre todos !

      Excluir
    5. "Cowboys From Hell" é sim um "dos" álbuns mais fodas que já ouvi, e não digo isso por ser "poser"! Curto está banda já faz tempo garoto. E desde quando posers tem álbuns só para eles? ...E ainda, do Pantera! hahahaha pf né...

      Excluir
  3. The Great South Trendkill – 1996 foi o primeiro CD que ouvi. Nostalgia pura!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. o pericles penssei que tu gostava de pagode KKKKKK

      Excluir
  4. Banda mais do que ótima, desde a era glam! Riffs que ficam na cabeça e aquela contagiante vontade de cantar sem parar um segundo sequer. É praticamente impossível enjoar de ouvir as músicas, todas são perfeitas. <3

    ResponderExcluir
  5. vugar display of power é um crassico do trash metal...

    ResponderExcluir
  6. MUITO BOA ESSE MATERIAL DO PANTERA! VCS SÃO 10!!!!

    ResponderExcluir
  7. Já escutava muito Pantera agora mais ainda. Muito massa o blog.

    ResponderExcluir
  8. puta q pariu!!! pantera até arrepia sonziera de mais !!!

    ResponderExcluir
  9. The Great Southern Trendkill é o melhor disco do Pantera, sem dúvidas.

    ResponderExcluir
  10. pantera é um som do caralho.....the best!

    ResponderExcluir
  11. Pantera eh sem duvidas uma das bandas q mais curto
    Vlw d mais cara, n tava achando links bons, esses tao ok

    ResponderExcluir
  12. Muito bom o blog, Parabéns!!! Gosto muito de Pantera!! Obrigada!! Bru Marc

    ResponderExcluir
  13. Banda mais que foda!

    ResponderExcluir
  14. Na minha opinião e sem discussão,a melhor banda de Heavy Metal que ja existiu.

    ResponderExcluir
  15. a única banda que ficou mais pesada e mortal a cada álbum que gravava!!!! BRUTALIDADE PURA....................

    ResponderExcluir
  16. Uma das maiores Bandas de Metal do mundo Sou fã desse Blog PAntera é tudo e grças ao Cowboys From Hell virei fã dessa banda amo demais Rock de qualidade

    ResponderExcluir
  17. muito bom...melhor blog de rock do brasil...

    ResponderExcluir
  18. muito bom...melhor blog do brasil

    ResponderExcluir
  19. Aderson Ferreira04/04/14 19:27

    Valeu Alex ! Por esta discografia e tantas outras, estou curtindo muito!

    ResponderExcluir
  20. Aderson Ferreira04/04/14 20:03

    Valeu Alex!

    ResponderExcluir
  21. Estou deveras emocionado. Resolvi me dar uma chance, conhecendo uns sons antigos e me naufragado na net, até encontrar essa ilha! Parabéns!!

    ResponderExcluir
  22. Banda Muito Foda vlw ae alex

    ResponderExcluir
  23. Pantera é mt foda, pqp

    ResponderExcluir
  24. pantera é destruidorrrrrrrrrrr muro do rock o melhor

    ResponderExcluir
  25. Gratidão!
    este seu trabalho é PHODASTICO!
    Um parque de diversões pra quem curte ROCK AND ROLL!!!

    ResponderExcluir
  26. Parabéns pelo site ...conheci hj e ja sou fã ..sucesso meu caro ...:)

    ResponderExcluir
  27. power metal do pantera !!!
    concerteza um dos melhores de heavy metal q ja ouvi.

    ResponderExcluir
  28. Eu pensava que o Cowboys From Hell era o primeiro álbum auhauhuhauh valeu por postar a discografia,eu pude conhecer os álbuns que eu não tinha ouvido ainda,só conhecia do de 90 pra frente.

    ResponderExcluir

Todos comentários aparecem após a aprovação, portanto aguarde a moderação do seu comentário sem precisar repeti - ló várias vezes.

Perguntas, avisos ou problemas no blog, serão atendidos somente através do e-mail: murodoclassicrock@gmail.com

Quem insistir em escrever nos comentários será ignorado e o problema não será corrigido.

Por vários motivos esse Blog não atende pedidos de discografias, e-mails ignorando este aviso serão marcados como Spam.

Links alheios não serão permitidos.

Respeite os gostos e opiniões alheias, críticas, ofensas e discussões com palavras de baixo calão não serão permitidas.