Please enable / Bitte aktiviere JavaScript!
Veuillez activer / Por favor activa el Javascript![ ? ]

20 de junho de 2011

U.K. - Discografia.

UK foi um supergrupo britânico de curta duração ativo durante o final da década de 1970. 

Em setembro de 1976, o cantor e baixista John Wetton e o baterista Bill Bruford reuniram-se com o tecladista do Yes Rick Wakeman, um projeto da gravadora de Wakeman. Determinados a trabalharem juntos, Bruford e Wetton pediram para o guitarrista Robert Fripp para reformular o King Crimson , banda que Fripp deixou em dois anos antes. Quando Fripp recusou a proposta, Bruford e Wetton decidiram que cada um traria um músico de escolha própria para formar a banda. 

Wetton trouxe o tecladista e violinista Eddie Jobson, de já conhecia de seu trabalho no Roxy Music em 1976. Já Bruford recrutou o guitarrista Allan Holdsworth (anteriormente do Soft Machine e do Gong). 

O UK lançou um álbum debut homônimo em 1978, chamando a atenção dos fãs do rock progressivo e do jazz fusion. 

Para o segundo álbum, após a saída de Bruford e Holdsworth, foi recrutado o baterista do cantor e compositor americano Frank Zappa na época, Terry Bozzio. 

A banda encerrou as atividades no início de 1980, retornando em 2011. (Wikipédia). 

Integrantes.

Atuais 

Eddie Jobson (Teclados, Backing Vocals, Violino, 1977-1980, desde 2011)
John Wetton (Baixo, Backing Vocals, 1977-1980, desde 2011)
Alex Machacek (Guitarra, desde 2011)
Mike Mangini (Bateria, Percussão, desde 2015)

Ex-Integrantes.

Bill Bruford (Bateria, Percussão, 1977-1978)
Allan Holdsworth (Guitarra, 1977-1978)
Terry Bozzio (Bateria, Percussão, 1978-1980, 2012-2013)

Integrantes de Turnês.

Gary Husband (Bateria, Percussão, 2012)
Marco Minnemann (Bateria, Percussão, 2011, 2013)
Virgil Donati (Bateria, Percussão, 2013, 2014)

Senha dos Arquivos: muro

Password Files: muro


Bitrate: 320Kbps.

Álbuns.

U.K. (1978)
 
01. In The Dead Of Night
02. By The Light Of Day
03. Presto Vivace And Reprise
04. Thirty Years
05. Alaska
06. Time To Kill
07. Nevermore
08. Mental Medication
Bonus Tracks.
09. In The Dead Of Night (Single Version)
10. Mental Medication (Single Edit)


Danger Money (1979)
 
01. Danger Money
02. Rendezvous 6:02
03. The Only Thing She Needs
04. Caesar's Palace Blues
05. Nothing To Lose
06. Carrying No Cross
07. Rendezvous 6:02 (US Single Version / Different Mix) (Bonus Track)


Night After Night (Live 1979)
 
01. Night After Night
02. Rendezvous 6:02
03. Nothing To Lose
04. As Long As You Want Me Here
05. Alaska
06. Time To Kill
07. Presto Vivace
08. In The Dead Of Night
09. Caesar's Palace Blues
10. When Will You Realize? (Bonus Tracks)


Concert Classics: Vol. 4,  Live 1978 (1999)
 
01. Alaska 
02. Time To Kill
03. The Only Thing She Needs
04. Carrying No Cross 
05. Thirty Years 
06. In The Dead Of Night
07. Caesar's Palace Blues


Reunion: Live in Tokyo (2013)
 
CD 1. 

01. In The Dead Of Night
02. By The Light Of Day/Presto Vivace and Reprise
03. Danger Money
04. Thirty Years
05. Alaska/ Time To Kill
06. Starless

CD 2.

01. Carrying No Cross
02. Drum Solo
03. Violin Solo
04. Nevermore
05. One More Red Nightmare
06. Caesar's Palace Blues
07. The Only Thing She Needs
08. Rendezvous


Senha dos Arquivos: muro

Password Files: muro

E-mail de contato para links quebrados ou outros problemas: murodoclassicrock@gmail.com

Antes de comentar leia as regras que estão próximas do formulário, comentários desrespeitando as mesmas, não serão publicados e nem atendidos.

12 comentários :

  1. Saludos agregado a ENLACES
    http://enlacesaguar.blogspot.com/
    pon un link gracias

    ResponderExcluir
  2. Tenho os dois primeiros e o primeiro ao vivo reunidos num cd duplo. Super grupo mesmo! Pena q produziram pouco.

    Devo ser o único mortal q prefere "Danger Money" q o celebrado primeiro álbum, q conta com o legendário Alan Holdsworth.

    ResponderExcluir
  3. Baixei a discografia agora. Espero que não me arrependa. Valeu, Alex.

    ResponderExcluir
  4. Tô contigo Roderick! Concordo total, Danger Money é o apogeu do UK mesmo sem a guitarra hightech do super guitarrista, sem falar no gas que o Terry Bozzio deu no primeiro ao vivo, contrastando com a frieza matemática do Bill Bruford, com todo o respeito foi um monstro no Yes e King Crimson quando aliado à técnica e alta performance ainda soltava o braço na bateria com mais pegada e raça.
    Raffael - RJ

    ResponderExcluir
  5. ... só para ilustrar, comparem a música Alaska do primeiro álbum com a do Night After Night Live, logo após o tema de introdução feito no teclado, o acompanhamento da bateria na versão de estúdio é um iceberg percussivo, na versão ao vivo uma avalanche sonora, alternando bumbos duplicados com o prato chinese, massacre baterístico sem dever nada à técnica.
    Raffael - RJ

    ResponderExcluir
  6. Olá Alex, acredito que bandas dos anos 70 são todas ótimas, John Wetton e Bill Bruford são espetaculares,,,, dica: achei no (torrent) 2 cds do Eddie Jobson: ZINC The Green Album1983 e Theme of Secrets 1985 , são ótimos, de uma escutada...
    Abração.

    Zigo

    ResponderExcluir
  7. Parabéns Alex, este Cd ao vivo em TOKYO é espetacular. Mais uma vez parabéns. Já tô indicando para meus amigos.( MURO É MURO ) Não adianta procurar outro.
    Abração
    Zigo

    ResponderExcluir
  8. Gracias amigos
    Antonio

    ResponderExcluir
  9. gracias por poner los discos de uno de mis idolos

    ResponderExcluir

Todos comentários aparecem após a aprovação, portanto aguarde a moderação do seu comentário sem precisar repeti - ló várias vezes.

Perguntas, avisos ou problemas no blog, serão atendidos somente através do e-mail: murodoclassicrock@gmail.com

Quem insistir em escrever nos comentários será ignorado e o problema não será corrigido.

Por vários motivos esse Blog não atende pedidos de discografias, e-mails ignorando este aviso serão marcados como Spam.

Links alheios não serão permitidos.

Respeite os gostos e opiniões alheias, críticas, ofensas e discussões com palavras de baixo calão não serão permitidas.