Please enable / Bitte aktiviere JavaScript!
Veuillez activer / Por favor activa el Javascript![ ? ]

10 de julho de 2014

Irish Coffee - Discografia.

Irish coffee é uma banda de hard rock de Aalst, East Flanders, Bélgica, que começou a tocar oficialmente em 1970. Eles são famosos por seu single “Masterpiece” o qual apareceu nas paradas de sucesso da Bélgica. O estilo musical da banda era uma combinação de hard rock e blues rock, com guitarras principais pesadas e vocais fortes. A banda se separou em 1975, mas voltou em 2002 com um novo organista e um novo baixista.

História.

A origem do Irish Coffee começou com outra banda chamada The VooDoo, a qual foi formada em 1970. Eles tocavam apenas covers de bandas como Deep Purple, Led Zeppelin, The Who, e The Kinks, em um clube chamado “El Gringo”, perto de Aalst, Bélgica. Lá eles conheceram Louis de Vries, empresário do The Pebbles, e assinaram um contrato com ele. Eles mudaram seu nome para Irish Coffee, com a banda nesse período sendo formada pelo guitarrista e vocalista William Souffreau, o guitarrista Jean Van Der Schueren, o baixista Willy De Bisschop, o tecladista Paul Lambert e o baterista Hugo Verhoye. A banda foi até o Antwerp para gravar seu primeiro single, “Masterpiece”, em um estúdio de gravações 8-track. “Masterpiece” obteve sucesso nas paradas da Bélgica, alcançando a 5ª posição na lista de singles nacionais da revista HUMO, sendo tocada em concertos e também em programas de televisão pela Bélgica e França. Como eles possuíam o mesmo empresário, o Irish Coffee tocou diversas vezes com o The Pebbles, e eles também deram suporte a bandas e artistas conhecidos como Dr. Feelgood, Colosseum, Chris Farlowe, Uriah Heep, Focus, Chicken Shack, entre outros.

Em 1971 o álbum homônimo da banda foi lançado pela Triangle Records, com todas as faixas do LP sendo escritas por Souffreau e Van Der Schuren. Em setembro de 1971, um single com as músicas “Carry On” e “Child” foi lançado, também pela Triangle Records, e essas músicas foram depois colocadas como bônus na reedição do álbum Irish Coffee pelo selo Voodoo. A banda então passou a fazer tantos shows que Hugo Verhoye decidiu sair, sendo substituído por Raf Lenssens antes que a música “Down Down Down” fosse lançada como um single no final do ano. Na primavera de 1973, Jean Van Der Schueren deixou a banda para continuar com seus estudos no violão clássico, e ele foi substituído por Luc De Clus, o qual tocava guitarra desde os 5 anos. Em Junho de 1974, “Witchy Lady” foi lançado pela Barclay Records e recebeu bastante atenção das rádios mas, infelizmente, não atingiu as paradas.

Separação.

Junto com seu trabalho no Irish Coffee, Lenssens, Lambert, De Bisschop, e De Clus também tocavam para o cantor Wim De Craene, e enquanto retornavam de um dos shows de De Craene em Novembro de 1974, eles se envolveram em um acidente de carro. Paul Lambert morreu e Lenssens ficou gravemente ferido, resultando no fim do Irish Coffee. Em 1975, a banda mudou seu nome para Joystick com a adição do novo tecladista Luc Coppens, porém essa formação da banda não lançou nenhum álbum. Alguns dos materiais gravados pelo Joystick foram incuídos no álbum de reunião do Irish Coffee que foi lançado pelo selo Fuzzy em 2004. Nos anos 80, Soffreau fez muitas performances com sua banda cover Oh Boy, e em 1990 ele entrou em carreira solo como cantor e compositor, lançando vários álbuns. No final dos anos 90, ele formou a banda de rockabilly Blink It e lançou dois álbuns com ela. Hugo Verhoye e Luc De Clus foram ambos membros do Oh Boy e da Blink It.

Retorno.

Em 1992, os antigos membros da banda lançaram gravações do Irish Coffee em CD pelo selo Voodoo Records e tocaram um show de reunião em 9 de julho de 1993, em Aalst. A formação para esse show incluía Souffreau, Verhoye, e De Clus, junto com Geert Maesschalk no baixo e Chris Taerwe nos teclados. A banda reunida começou a tocar em shows e clubes em 2002 e já tinha músicas novas no final de 2003. “Brand New Day” foi lançado como um single promocional em 2004. Seu álbum homônimo foi lançado pela Fuzzy Records em 2004 e foi dedicado a Paul Lambert. Fizeram um show wm 2008 e o CD do mesmo foi lançado em 2008. Texto: Wikipédia, traduzido por Danilo Lopes.

Integrantes.

Formação Original.

William Souffreau (Vocais, Guitarra)
Jean Van Der Schueren (Guitarra)
Willy De Bisschop (Baixo)
Paul Lambert (Órgão)
Hugo Verhoye (Bateria)
Luc De Clus (Guitarra em "Witchy Lady" Single)
Raf Lenssens (Bateria em "Down Down Down" e Single "Witchy Lady")
Dirk Dierickx (Backing Vocals em "Masterpiece" Single)

Outros Integrantes.

William Souffreau (Guitarra, Vocais)
Luc de Clus (Guitarra)
Stanny Van Veer (Piano, Órgão)
Franky Cooreman (Baixo)
Hugo Verhoye / Stef Van Straelen (Bateria)

Senha dos Arquivos: muro

Password Files: muro


Bitrate: 320Kbps.

Álbuns.

Irish Coffee (1971)
 
01. Masterpiece
02. Can't Take It
03. The Beginning Of The End
04. When Winter Comes
05. The Show (Part 1)
06. The Show (Part 2)
07. Hear Me
08. A Day Like Today
09. I'm Lost
Bonus Tracks CD Reissue 2004.
10. Carry On (Single A-Side, 1972)
11. Child (Single B-Side, 1972)
12. Down Down Down (Single A-Side, 1972)
13. I'm Alive (Single B-Side, 1972)
14. Witchy Lady (Single A-Side, 1973)
15. I'm Hers (Single B-Side, 1973)


Live Rockpalast 2005 (2008)
 
01. The Show (Part I)
02. Coloured Land
03. Brand New Day
04. Apocalypse
05. Can't Take It
06. The Beginnig Of The End
07. I'm Hers
08. Lovely Lisa
09. Dark Clouds
10. I'm Lost
11. The Show (Part II)
12. Masterpiece
13. A Day Like Today
14. Ain't Takin' No More


Senha dos Arquivos: muro

Password Files: muro

E-mail de contato para links quebrados ou outros problemas: murodoclassicrock@gmail.com

Antes de comentar leia as regras que estão próximas do formulário, comentários desrespeitando as mesmas, não serão publicados e nem atendidos.

5 comentários :

  1. VALEU ALEX...EU NÃO TINHA ESSE SEGUNDO ÁLBUM..
    UMA RARIDADE DE SE ENCONTRAR
    GOSTO MUITO DO SOM DO IRISH COFFEE.

    ResponderExcluir
  2. wilson fiordeliz11/07/14 02:37

    som de primeira qualidade ...valeu Muro!!!!!!!!

    ResponderExcluir
  3. Banda nota 10 baixei e escuto quase todo dia. Destaque para CAN'T TAKE IT rockn roll do bom.

    ResponderExcluir
  4. Show o som deles...lançaram um disco esse ano!

    ResponderExcluir
  5. Excelente essa banda, obrigado.

    ResponderExcluir

Todos comentários aparecem após a aprovação, portanto aguarde a moderação do seu comentário sem precisar repeti - ló várias vezes.

Perguntas, avisos ou problemas no blog, serão atendidos somente através do e-mail: murodoclassicrock@gmail.com

Quem insistir em escrever nos comentários será ignorado e o problema não será corrigido.

Por vários motivos esse Blog não atende pedidos de discografias, e-mails ignorando este aviso serão marcados como Spam.

Links alheios não serão permitidos.

Respeite os gostos e opiniões alheias, críticas, ofensas e discussões com palavras de baixo calão não serão permitidas.