Please enable / Bitte aktiviere JavaScript!
Veuillez activer / Por favor activa el Javascript![ ? ]

5 de outubro de 2015

Ozric Tentacles - Discografia.

Ozric Tentacles é uma banda de rock de Somerset, Inglaterra, cuja música pode ser descrita vagamente como rock psicodélico ou espacial. Formada em 1983, a banda lançou 29 álbuns até 2015 e tornou-se uma verdadeira indústria, vendendo mais de um milhão de álbuns no mundo todo, apesar de nunca ter grande apoio de gravadoras. Passando por várias mudanças de formação ao longo dos anos, o guitarrista Ed Wynne tem permanecido como único membro original da banda.

A banda foi formada durante o Stonehenge Free Festival em 1983. Lá, os irmãos Ed Wynne (guitarra e teclados) e Roly Wynne (baixo) juntos com o baterista Nick “Tig” Van Gelder (Jamiroquai) e o tecladista Joie Hinton estavam tocando em um grupo conhecido como “Bolshem People”. Ao executar um "jam session" noturno, alguém perguntou a eles qual era o nome da banda e Ed Wynne respondeu: "Ozric Tentacles". A partir desse momento, Ozric Tentacles (ou "The Ozrics", como também são conhecidos) ganhou atenção por seu estilo de rock psicodélico/espacial, que faz uso proeminente de sintetizadores, guitarras e samplers. A banda agora é reconhecida como uma das maiores influências do ressurgimento da cena festival no Reino Unido, tornando-se particularmente associada com o Festival de Glastonbury e também por sua série de lançamentos de cassetes de fabricação própria, vendidos em shows e através de um fã-clube.

Em 1989, a banda lançou a sua própria gravadora, Dovetail Records e seu primeiro lançamento foi “Pungent Effulgent”. Foi seguido por “Erpland”, em 1990, seu álbum duplo clássico. Em 1991 banda alcançou a posição nº 1 no UK Indie Chart, com seu hit single "Sploosh!" do LP “Strangeitude”. Em 1993, o álbum “Jurassic Shift” alcançou o Top 20 da UK Albums Chart e Top 1 no UK Indie Chart, ficando um total de três meses nas paradas.

A banda passou por inúmeras mudanças, com Ed Wynne (guitarra, teclados) sendo a única presença constante desde o início. Muitos membros saíram para se dedicarem a bandas com tendência a música eletrônica, como “Eat Static”, “Nodens Ictus”, “Dubblehead” e “Moksha”. Nick Van Gelder, o baterista do Jamiroquai durante o projeto “Emergency On Planet Earth” foi o baterista original da Ozric Tentacles, aparecendo nos seis primeiros cassetes da banda, incluindo “Tantric Obstacles” e “Erpsongs”. No entanto, a banda manteve a sua identidade e continuou com o ritmo prolífico de álbuns ao longo dos anos 1990 e no novo milênio, continuando a excursionar extensivamente até hoje.

A banda é famosa por suas performances ao vivo há muito tempo seguindo uma abordagem audiovisual com uma equipe integrada de iluminação e projeções. A partir de maio de 2013, a formação contou com Ed Wynne (guitarra, sintetizadores), Brandi Wynne (baixo, teclados), Silas Neptune (sintetizadores, samples, saz), o baterista húngaro Balázs Szende e Paul Hankin (conga paul e percussão).

Em 2011, Ozric Tentacles lançou seu álbum de estúdio, "Paper Monkeys" e excursionou nos Estados Unidos em março de 2012, posteriormente entrando em uma extensiva turnê europeia de seis semanas de duração, entre Abril e Maio de 2012.

Em junho de 2012, seu estúdio no Colorado foi destruído por incêndios florestais, que estavam devastando a área há mais de uma semana. A banda estava em turnê na época. Além de parte do estúdio, gravações e alguns instrumentos também foram destruídos. Após o incêndio, a banda teve a ajuda de fãs para reconstruir seu arquivo.

A música de Ozric Tentacles é uma mistura de linhas de baixo, teclados e trabalhos intrínsecos de guitarras, com uma sonoridade bem influenciada por Steve Hillage e a banda Gong. Muitas de suas canções incorporam sinais de tempo incomuns e/ou timbres de influência oriental. Além disso, a banda utiliza frequentemente arranjos complexos que incluem mudanças na fórmula de compasso, sinal chave e ritmos ao longo das faixas tocadas. Os arranjos também têm influência do funk americano, fusion/jazz, dub /reggae e música ambiente. Esses recursos são frequentemente misturados com elementos eletrônicos, incluindo sintetizadores arpejados, densamente influenciados por camadas de música Psico-Trance e Techno, abafadores, efeitos de linhas de baixo e batidas eletrônicas programadas.

A banda também usa uma ampla gama de instrumentos em suas performances. Guitarras eléctricas e acústicas, flautas, percussão étnica, koto, saz, cítara e sons de vozes humanas digitalmente modificadas têm aparecido ao longo da sua música.

Segundo Wynne “Ozric’ é um velho nome Viking que significa “energia divina” e “tentacles” foi uma palavra boba para colocar no final”.

Além dos lançamentos oficiais, não são ainda conhecidas numerosas gravações obscuras ou raras de muitas sessões de estúdio da banda.

A máquina AV-400 MHz RMN, usada pelo departamento de química da Universidade de Warwick (Reino Unido) foi apelidada de "Ozric", em homenagem a banda supostamente pelo perito multinuclear e fã declarada da banda, Dr. Jon Rourke. Texto: Francisco Eduardo, fonte: Wikipédia em inglês.

Integrantes.

Atuais.

Ed Wynne (Guitarra, Teclados, Samples, Koto, Baixo Fretless, Programação, desde 1983)
Brandi Wynne (Baixo, Sintetizador, desde 2004)
Silas Wynne (Teclados, Samples, Saz, desde 2009)
Balázs Szende (Bateria, desde 2012)
Paul Hankin (Percussão, Congas, 1985-1991, desde ?)
 

Ex - Integrantes.

Joie Hinton (Aka Ozrooniculator) (Teclados, Samples, Sintetizadores, 1983-1994, 2007)
Roly Wynne (Baixo, 1983-1992)
Nick Van Gelder (A.K.A. Tig) (Bateria, 1983-1987)
Tom Brooks (A.K.A. Zorch) (Teclados, 1983-1986)
Gavin Griffiths (Guitarra, 1983-1984)
Merv Pepler (Bateria, Percussão (1988-1994, 2004-2009)
Steve Everitt (Baixo, Teclados, 1993)
Marcus Étnica (Marcus Carcus) (Percussão, 1988-1990, 1993)
Generator John (Bateria, Percussão, 1989-1993)
John Egan (Aka Jumping John) (Flauta, 1989-2005)
Zia Geelani (Baixo, 1992-2004)
Rad (Conrad Prince) (Bateria, Percussão, 1995-2000)
Christopher "Seaweed" Lenox-Smith (Teclados, Sintetizador, 1995-2003)
Johnny Morgan (Bateria, 2000)
Stuart "Stu" Fisher (Aka Schoo) (Bateria, Percussão, 2000-2004)
Metro (Bateria, 2004-2005)
Alan Haggarty (Aka Haggis) (Baixo 2005)
Harry Waters (Teclados, 2004)
Greyum Maio (Baixo, 2004-2005)
Steve Hillage (Guitarra, 2004 convidado)
Paul Godfrey (Baixo, 2003-2004)
Paul Chausmer (Teclados, 2006)
Vinny Shillito (Baixo, 2006-2009)
Roy Brosh (Bateria, 2009)
Ollie Seagle (Bateria, 2006-2013)
 

Senha dos Arquivos: muro

Password Files: muro


Bitrate: 320Kbps.

Álbuns.

Pungent Effulgent (1989)
 
01. Disolution (The Clouds Disperse)
02. 0-1
03. Phalarn Dawn
04. The Domes Of G'bal
05. Shaping The Pelm
06. Ayurvedic
07. Kick Muck
08. Agog In The Ether
09. Wreltch
10. Ayurvedsim


Erpland (1990)
 
01. Eternal Wheel
02. Toltec Spring
03. Tidal Convergence
04. Sunscape
05. Mysticum Arabicola
06. Cracker Blocks
07. The Throbbe
08. Erpland
09. Valley of a Thousand Thoughts
10. Snakepit
11. Iscence
12. A Gift of Wings


Strangeitude (1991)
 
01. White Rhino Tea
02. Sploosh!
03. Saucers
04. Strangeitude
05. Bizarre Bazaar
06. Space Between Your Ears
07. Live Throbbe
08. Weirditude


Afterswish: 1984-91 (Coletânea 1992)
 
CD 1.

01. Guzzard
02. Chinatype
03. The Sacred Turf
04. Og-Ha-Be
05. Thyroid
06. Omnidirectional Bhadra
07. Afterswish
08. Velmland
09. Travelling The Great Circle
10. Secret Names
11. Soda Water
12. Fetch Me The Pongmaster
13. Zaii!

CD 2.

01. Abul Hagag
02. It's A Hup Ho World
03. The Dusty Pouch
04. Thrashing Breath Texture
05. Floating Seeds
06. Invisible Carpet
07. The Code For Chickendon
08. Kola B'pep
09. Mae Hong Song
10. Symetricum
11. Jabular
12. Sliding And Gliding


Live Underslunky (1992)
 
01. Dots Thots
02. Og-Ha-Be
03. Erpland
04. White Rhino Tea
05. Bizarre Bazaar
06. Sunscape
07. Erpsongs
08. Snakepit
09. Kick Muck
10. O-I
11. Ayurvedic


Jurassic Shift (1993)
 
01. Sunhair
02. Stretchy
03. Feng Shui
04. Half Light In Thillai
05. Jurassic Shift
06. Pteranodon
07. Train Oasis
08. Vita Voom
09. Feng Shui Live (Bonus Track)


Arborescence (1994)
 
01. Astro Cortex
02. Yog-Bar-Og
03. Arborescence
04. Al-Salooq
05. Dance of the Loomi
06. Myriapod
07. There's a Planet Here
08. Shima Koto


Become The Other (1995)
 
01. Cat DNA
02. Ahu Belahu
03. Ghedengi
04. Wob Glass
05. Neurochasm
06. Become The Other
07. Vibuthi
08. Plurnstyle


Curious Corn (1997)
 
01. Spyroid
02. Oolite Grove
03. Afroclonk
04. Curious Corn
05. Oddentity
06. Papyrus
07. Meander


Spice Doubt (Live 1998)
 
01. Cat DNA
02. Eternal Wheel
03. Sploosh!
04. Ahu Belahu
05. Papyrus
06. Oolite Grove & Citadel Jam
07. Oddentity
08. Dissolution
09. Myriapod
10. Spice Doubt


Waterfall Cities (1999)
 
01. Coily
02. Xingu
03. Waterfall City
04. Ch'ai
05. Spiralmind
06. Sultana Detrii
07. Aura Borealis


The Hidden Step (2000)
 
01. Holohedron
02. The Hidden Step
03. Ashlandi Bol
04. Aramanu
05. Pixel Dream
06. Tight Spin
07. Ta Khut
 


Swirly Termination (2000)
 
01. Steep
02. Space Out
03. Pyoing
04. Far Dreaming
05. Waldorfdub
06. Kick 98
07. Yoy Mandala
 


Pyramidion (2001)
 
01. Pyramidion
(Live)
02. Xingu
03. Pixel Dream
04. Sultana Detrii
05. Aramanu

Link.

At The Pongmasters Ball (Live 2002)
 
CD 1.

01. Oddentity
02. Erpland
03. Oakum
04. Myriapod
05. It's A Hup Ho World
06. Pixel Dream
07. The Domes Of G'Bal
08. Pyramidion

CD 2.

01. Saucers
02. Dissolution (The Clouds Disperse)
03. Sploosh!
04. Ta Khut
05. Kick Muck
06. The Throbbe


Eternal Wheel (Coletânea 2004)
 
CD 1: The Best Of.

01. Jurassic Shift
02. Myriapod
03. Saucers
04. Wob Glass
05. Coily
06. Sultana Detrii
07. Sunscape
08. Eternal Wheel
09. Vibuthi
10. Sploosh!

CD 2: Bonus.

01. Oolite Groove
02. Ashlandi Bol
03. Iscence
04. Pyramidion
05. Spyroid
06. Neurochasm


Spirals In Hyperspace (2004)
 
01. Chewier
02. Spirals in Hyperspace
03. Slinky
04. Toka Tola
05. Plasmoid
06. Oakum
07. Akasha
08. Psychic Chasm
09. Zoemetra


The Floor's Too Far Away (2006)
 
01. Bolshem
02. Armchair Journey
03. Jellylips
04. Vedavox
05. Spacebass
06. Disdots
07. Etherclock
08. Splat!
09. Ping


Sunrise Festival (Live 2008)
 
01. ...Blimey!
02. 0-I
03. Vita Voom
04. Jurassic Shift
05. Sunrise Jam
06. Erpland
07. The Throbbe
08. Snakepit
09. Eternal Wheel
10. White Rhino Tea

Link.

The Yumyum Tree (2009)
 
01. Magick Valley
02. Oddweird
03. Mooncalf
04. Oolong Oolong
05. YumYum Tree
06. Plant Music
07. Nakuru
08. San Pedro


Paper Monkeys (2011)
 
01. Attack of the Vapours
02. Lemon Kush
03. Flying Machines
04. Knurl
05. Lost in the Sky
06. Paper Monkeys
07. Plowm
08. Will of the Wisps
09. Air City


Vitamin Enchanced: Cassette-Only Albums 1985-1989 (Box Set 2013)
 

CD 1: Erpsongs (1985)
 
01. Velmwend
02. Fast Dots
03. Thyroid
04. Spiral Mind
05. Synth On A Plinth
06. Dharma Reggae
07. Tidal Otherness
08. Erp Riff
09. Descension
10. Misty Gliss
11. Dots Thots
12. Clock Drops
13. Five Jam
14. Oddhamshaw

CD 2: Tantric Obstacles (1985)
 
01. Og-Ha-Be
02. Shards Of Ice
03. Sniffing Dog
04. Music To Gargle At
05. Ethereal Cereal
06. Atmosphear
07. Ullular Gate
08. Tentacles Of Erpmind
09. Trees Of Eternity
10. Mescalito
11. Oddhamshaw Style
12. Become The Otter
13. Gnuthlia
14. Sorry Style
15. The Aum Shuffle

CD 3: Live Ethereal Cereal (1986)
 
01. Erpriff
02. Tentacular Explosion
03. Stupid Reggae
04. Aumriff
05. Obstacular Explosion
06. Og-Ha-Be
07. Dots Thots
08. Erpitaph

CD 4: There Is Nothing (1986)
 
01. The Sacred Turf
02. O-I
03. Jabular
04. Staring At The Moon
05. Airy Area
06. Travelling The Great Circle
07. Imhotep
08. Thrashing Breath Texture
09. Crab Nebula
10. Lull Your Skull
11. Invisible Carpet
12. The Eternal Wheel
13. Kola B'Pep
14. There Is Nothing

CD 5: Sliding Gliding Worlds (1988)
 
01. Yaboop
02. Soda Water
03. The Code For Chickendon
04. Guzzard
05. The Dusty Pouch
06. Sliding And Gliding
07. Kick Muck
08. It's A Hup Ho World
09. Atmospheric Underslunky
10. (Omnidirectional) Bhadra
11. Fetch Me The Pongmaster
12. Mae Hong Song
13. White Rhino Tea
14. Loaf Jaw
15. The Green Island

CD 6: The Bits Between The Bits (1989)
 
01. Eye Of Adia
02. Fragmentary Aura
03. Sparkling Oasis
04. Tidal Otherness
05. Secret Names
06. Symetricum
07. Floating Seeds
08. Ozrosis
09. Wreltch
10. Afterswish
11. Koh Phangan
12. The Cave Of Aeolas
13. Puff Puff On A Chuff Chuff
14. Health Music


Technicians Of The Sacred (2015)
 
CD 1.

01. The High Pass
02. Butterfly Garden
03. Far Memory
04. Changa Masala
05. Zingbong
06. Switchback
 

CD 2.

01. Epiphlioy
02. The Unusual Village
03. Smiling Potion
04. Rubbing Shoulders With The Absolute
05. Zenlike Creature

Link.

Senha dos Arquivos: muro

Password Files: muro

E-mail de contato para links quebrados ou outros problemas: murodoclassicrock@gmail.com

Antes de comentar leia as regras que estão próximas do formulário, comentários desrespeitando as mesmas, não serão publicados e nem atendidos.

12 comentários :

  1. Alex, vc é o cara que vasculha tudo o que se refere a bandas, eu nunca ouvi falar nesta, e olha que eu conheço muita coisa, mas vc é o cara mesmo..., PARABÉNS, tô baixando pra ver, abraço
    Zigo

    ResponderExcluir
  2. Wilson Fiordeliz06/10/15 10:47

    Ah tava loko atrás dessa discografia , Valeu Alex esse blog é um patrimônio do rock !!!!!

    ResponderExcluir
  3. Alex, havia baixado 4 cds para ouvir, e realmente é um som totalmente diferente do que já havia ouvido, muita criatividade desses caras.
    Beleza Alex, como sempre digo, igual a esse BLOG não existe nada igual nem muito menos parecido, vc é o cara que nos dá muitas alegrias com essas raridades deste mundo afora.
    Agora vou baixar todos, pois vale a pena.
    Tenho um grande respeito por você e te admiro muito. porque você nos informa tudo, e tem gente que ainda critica.
    Grande Abraço e VIVA O MURO.
    Zigo

    ResponderExcluir
  4. ALEX, ESQUECI DE DIZER, ESTA BANDA É " ESPETACULAR ".
    Abraço
    Zigo

    ResponderExcluir
  5. A muito aguardava essa discografia Alex !! Space rock de primeira qualidade, pros iniciantes sugiro os albuns Erpland e Jurassic Shift...valeu aí! Abs!!

    ResponderExcluir
  6. a dmx:
    bello ,, bello ,,,bello. obrigado, thanks, gracias.
    voce é o cara que nos dá muitas alegrias
    Alex.

    ResponderExcluir
  7. Obrigado pela atualização dos Ligações alex

    américa reconhecer o seu grande trabalho


    DMX.

    ResponderExcluir
  8. Esta é a minha segunda banda predileta, depois de Pink Floyd. E gosto de muita coisa que veio antes de Ozric, principalmente Prog 70's, mas esta banda de Space Rock não deve nada aos maiores medalhões setentistas. Quem não conhece e escutar vai pirar o cabeção. Sensacional! Valeu Alex!

    ResponderExcluir
  9. Esta banda es increiblemente buena, muy recomendable para tener todos esos albumes. Muchas gracias Alex. Saludos desde México

    ResponderExcluir
  10. Excelente banda de Space rock...com certeza é um som bem diferente dos usais do gênero, porém muitíssimo bem conduzido...

    Blueskying

    ResponderExcluir
  11. Jayme da costa Maceió AL18/05/16 03:46

    Concordo com o amigo, e penso que, por ser diferente do padrão Space-Rock tradicional, pois são diversos instrumentos, do Jazz ao Hard, ao Psycho; Enfim, uma viagem sem volta... Muito Grato, MURO!

    ResponderExcluir
  12. Essa banda é tão sensacional, que além da discografia oficial existe uma outra, não oficial. São vários discos não oficiais. E todos são legais.

    ResponderExcluir

Todos comentários aparecem após a aprovação, portanto aguarde a moderação do seu comentário sem precisar repeti - ló várias vezes.

Perguntas, avisos ou problemas no blog, serão atendidos somente através do e-mail: murodoclassicrock@gmail.com

Quem insistir em escrever nos comentários será ignorado e o problema não será corrigido.

Por vários motivos esse Blog não atende pedidos de discografias, e-mails ignorando este aviso serão marcados como Spam.

Links alheios não serão permitidos.

Respeite os gostos e opiniões alheias, críticas, ofensas e discussões com palavras de baixo calão não serão permitidas.