Please enable / Bitte aktiviere JavaScript!
Veuillez activer / Por favor activa el Javascript![ ? ]

4 de maio de 2017

Home - Discografia.

A Home foi uma banda britânica relativamente obscura, mais estreitamente associada com o movimento de rock progressivo dos anos 1970. Porém, o seu verdadeiro e incontestável legado não está nos poucos discos que gravou e sim no laboratório proporcionado a diversos músicos que encontrariam o sucesso em grupos futuros. 

Fundada em Londres, em 1970, pelo cantor e guitarrista Mick Stubbs, o guitarrista Laurie Wisefield, o baixista Cliff Williams e o baterista Mick Cook, a banda atraiu o interesse de algumas gravadoras e acabou assinando contrato com a CBS Records, lançando três discos no triênio subsequente. "Pause For A Hoarse Horse", de 1971, já com o tecladista Clive John robustecendo o grupo, mostra uma atenuada sonoridade progressiva, temperada com elementos do descontraído rock californiano da época e impulsionada sobretudo pelo trabalho diferenciado da guitarra de Wisefield. 

O álbum não rendeu singles, mas gerou uma agenda de promissores concertos de abertura para Led Zeppelin, Argent e Jeff Beck Group, entre outros, propiciando à Home matérias na imprensa e a confiança necessária para a gravação do seu segundo LP, homônimo, de 1972, que auferiu excelentes resenhas (a Melody Maker catalogou-o entre os melhores do ano). Dessa vez, a banda conseguiu um modesto sucesso com o single "Dreamer", que chegou ao 41º lugar nas paradas do Reino Unido e abriu caminho para uma turnê com a Mott The Hoople ⏤ fazendo o show de abertura da sua badalada conterrânea ⏤, na qual a Home angariou mais admiradores e inclusive a simpatia da NME (nota minha: revista britânica dedicada à música). O terceiro disco, "The Alchemist", de 1973 (com um certo Jimmy Anderson nos teclados), apresentou uma esmerada concepção do romance Dawn Of Magic, de Louis Pauwels, que ganhou alguns elogios de categorizados críticos sintonizados com o rock progressivo, mas, por outro lado, achatou-se como uma panqueca perante o público. 

Em 1974, os compromissos secaram e Stubbs bateu em retirada, deixando ao lineup restante o encargo de excursionar pelos Estados Unidos como banda de apoio do cantor e compositor folk Al Stewart ("qualquer coisa para ir a América", brincou Williams anos mais tarde). No retorno, a dissolução, quando a CBS decidiu cortar seus laços com o grupo. 

Aí as coisas ficaram realmente interessantes: no fim do ano, o guitarrista Wisefield agregou-se à pioneira Wishbone Ash, famosa por seu duo de guitarristas, numa longa e frutífera associação; em 1976, o baterista Cook passou a integrar a bluseira Groundhogs, por um breve período; mas a maior surpresa ficou por conta da inserção do baixista Cliff Williams na lendária banda de hard rock AC/DC, onde permanece até hoje. Em meio a tudo isso, a música da Home acabou relegada a um segundo plano, bem ao contrário das carreiras de alguns músicos que estiveram a seu serviço. Texto: Eduardo Rivadavia, AllMusic, tradução livre do inglês. Fonte: Discófilos Anônimos. 

Integrantes. 

Mick Stubbs (Guitarra elétrica, Guitarra de 12 cordas, Vocais)
Mick Cook (Bateria, Percussão)
Laury Wisefield (Guitarra elétrica, Vocais)
Cliff Williams (Baixo, Vocais)
Clive John (Teclados, Mellotron)
Johnny (Willie) Weider (Violino)

Senha dos Arquivos: muro

Password Files: muro

Saiba Como Baixar.

Bitrate: 320Kbps.

Álbuns.

Pause For A Hoarse Horse (1971) + Home (1972)
 
Pause For A Hoarse Horse (1971)
01. Tramp (3:11)
02. Family (3:31)
03. Pause For A Hoarse Horse (3:01)
04. Red E. Lewis And The Red Caps (5:41)
05. In My Time (3:56)
06. How Would It Feel (3:24)
07. Bad Days (4:02)
08. Mother (3:02)
09. Moses (5:01)
10. Welwyn Garden City Blues (1:18)
11. You’re No Good (3:05)

Home (1972)
12. Dreamer (5:30)
13. Knave (3:45)
14. Fancy Lady, Hollywood Child (4:05)
15. Rise Up (3:24)
16. Dear Lord (3:00)
17. Baby Friend Of Mine (4:42)
18. Western Front (5:15)
19. Lady Of The Birds (9:13)
20. Shady Lady (Bonus Track) (3:02)


Link.

The Alchemist (1973)
 
01. Schooldays (2:57)
02. The Old Man Dying (3:46)
03. Time Passes By (2:05)
04. The Old Man Calling (3:14)
05. The Disaster (2:36)
06. The Sun’s Revenge (4:00)
07. A Secret To Keep (1:18)
08. The Brass Band Played (1:25)
09. Rejoicing (2:49)
10. The Disaster Returns (Devastation) (8:01)
11. The Death Of The Alchemist (4:33)
12. The Alchemist (3:53)
Bonus Tracks.
13. Green Eyed Fairy (2:44)
14. Sister Rosalie (2:57)
15. Hayward Town (2:55)


Link.

Live BBC Sessions 1972-73 (2000)
 
01. How Would It Feel (6:27)
02. Red E. Lewis & Red Caps (7:40)
03. Dreamer (5:13)
04. My Lady of the Birds (8:30)
05. In My Time (8:33)
06. Schooldays (3:03)
07. The Old Man Dying (3:26)
08. Time Passes By (1:37)
09. The Old Man Calling (3:06)
10. The Disaster (2:41)
11. The Sun's Revenge (6:01)
12. A Secret to Keep (1:15)
13. The Brass Band Played (0:26)
14. Rejoicing (2:40)
15. The Disaster Returns (8:07)
16. Death of the Alchemist (4:36)
17. The Alchemist (3:41)


Senha dos Arquivos: muro

Password Files: muro

E-mail de contato para links quebrados ou outros problemas: murodoclassicrock@gmail.com

Antes de comentar leia as regras que estão próximas do formulário, comentários desrespeitando as mesmas, não serão publicados e nem atendidos.

2 comentários :

  1. Que legal!! Ainda nesta semana estava ouvindo Wishbone Ash e fiquei curioso para ouvir algo do Home, e não encontrei aqui - agora vou matar a curiosidade!

    ResponderExcluir
  2. Puxa ALEX QUE BAITA SOM GOSTEI MUITO PURO ROCK SETENTISTA LEMBRO DE MINHA ÉPOCA QUE COMECEI A GOSTAR DE ROCK

    ResponderExcluir

Todos comentários aparecem após a aprovação, portanto aguarde a moderação do seu comentário sem precisar repeti - ló várias vezes.

Perguntas, avisos ou problemas no blog, serão atendidos somente através do e-mail: murodoclassicrock@gmail.com

Quem insistir em escrever nos comentários será ignorado e o problema não será corrigido.

Por vários motivos esse Blog não atende pedidos de discografias, e-mails ignorando este aviso serão marcados como Spam.

Links alheios não serão permitidos.

Respeite os gostos e opiniões alheias, críticas, ofensas e discussões com palavras de baixo calão não serão permitidas.