Please enable / Bitte aktiviere JavaScript!
Veuillez activer / Por favor activa el Javascript![ ? ]

4 de maio de 2011

Anvil - Discografia.

Anvil é uma banda canadense de heavy metal. No começo dos anos 80, a banda causou impacto na cena crescente do speed metal. Seus primeiros três álbuns mostravam um metal tecnicamente avançado e espantoso numa velocidade nunca antes vista - som pelo prazer do som, e não pela música.

A história do Anvil começa em 1973, quando os colegas de escola Steve “Lips” Kudlow (vocal e guitarra) e Robb Reiner (baterista) se juntam a um guitarrista local para montar uma banda. Cinco anos depois, com a adição de Dave “Squirrely” Allison (vocais e guitarra) e Ian “Dix” Dickson (baixo), a banda Lips começaria a seguir a mesma trajetória de qualquer banda iniciante atrás de gravadoras. Três anos depois, já renomeada Anvil, Lips, Kudlow & cia debutariam com Hard ‘N’ Heavy. 

Em termos musicais, o início dos anos 1980 foi marcado por um grande movimento chamado NWOBHM (New Wave of British Heavy Metal – “A Nova Onda do Heavy Metal Britânico”) cujo maior representante ainda ativo é o Iron Maiden. A influência do movimento não se restringiu à terra da Rainha e diversas bandas do outro lado do Atlântico se beneficiaram dele. O Anvil foi um deles. A banda obteve um certo sucesso naqueles anos, sendo seu ápice um festival no Japão ao lado de gigantes da época, como o Scorpions e Bon Jovi, em 1984. Citado como influência por grandes nomes do metal como Kerry King (Slayer), Slash (ex-Guns ‘N’ Roses) e Scott Ian (Anthrax), tudo levava a crer que o Anvil marcaria a história da dita música pesada. E realmente, isso aconteceu. Mas não da forma que todos poderiam esperar. 

Do Japão de 1984, pulemos para Toronto, Canadá, em 2006. É lá que o diretor Sasha Gervais (mais conhecido por ter escrito o roteiro de O Terminal, de Steven Spielberg) encontra Steve Kudlow e Robb Reiner. Duas estrelas consagradas de rock com 30 anos de estrada, fama e sucesso? Não mesmo.

Mais de vinte anos após seu grande momento, as duas mentes por trás do Anvil levam vidas quase patéticas, ainda que bastante honestas: Lips sustenta sua família trabalhando como entregador de merendas escolares, enquanto Reiner trabalha na construção civil. E, sim, os dois continuam perseguindo aquela chance que tem certeza merecer. 

Lançado no fim de 2011 por aqui para o mercado de homevideo, Anvil: The Story Of Anvil é um dos mais interessantes e honestos documentários sobre música já feitos. Sasha Gervais, um grande fã do Anvil, decidiu ficar ao lado da banda por praticamente dois anos, registrando seus (raríssimos) altos e seus (constantes) baixos. Da arena no Japão, o Anvil reduziu-se a uma banda que toca em casas minúsculas no Canadá, para uma base fiel de fãs. Quando conseguem a chance de uma excursão de um mês pela Europa, o cenário muda, mas a rotina não. Liderados por uma empresária tão bem intencionada quanto incompetente, o Anvil toca em bares para plateias de, muitas vezes, meia dúzia de pessoas. Literalmente. E praticamente não recebem nada pelos serviços prestados, chegando ao cúmulo de serem pagos com comida. 

Tudo isso parece roteiro de uma comédia, mas não é bem isso. Anvil: The Story of Anvil é uma história tocante sobre dois homens que, mesmo na casa dos 50 e com todos os prognósticos negativos, perseguem seu sonho de infância. Filmado e editado de maneira brutalmente honesta por Gervais, o documentário foi muito bem recebido por crítica e público em geral, incluindo, obviamente, pessoas que nunca haviam ouvido falar da banda. O filme teve sua estreia no Festival de Sundance em 2008, e naquele ano foi premiado com o Audience Awards no Sydney Film Festival, no Los Angeles Film Festival e no Galway International Film Festival. Em 2009, foi premiado como Melhor Documentário no Evening Standard British Film Awards e, no ano seguinte, levou o mesmo prêmio do 2010 Independent Spirit Awards de Los Angeles. 

Mais importante que qualquer prêmio é que, ao abrir as portas de seu cotidiano e mostrar sua rotina diária sem pudores, Lips e Reiner atraíram também a atenção das pessoas certas. Desde 2008, o Anvil encontrou uma sobrevida e conseguiu o sucesso perseguido durante três décadas: hoje, finalmente, os dois cinquentões podem viver exclusivamente de sua música. Texto: O Pipoqueiro. Site Oficial. 

Integrantes.

Atuais.

Steve "Lips" Kudlow (Vocal, Guitarra, desde 1978)
Robb "Robbo" Reiner (Bateria, desde 1978)
Chris Robertson (Baixo, Vocal de Apoio, desde 2014)

Ex - Integrantes.

Dave "Squirrely" Allison (Guitarras, Backing Vocals, 1978-1989)
Ian "Dix" Dickson (Baixo, 1978-1993)
Sebastian Marino (Guitarras, 1989-1995)
Mike Duncan (Baixo, 1993-1996)
Ivan Hurd (Guitarras, 1995-2007)
Glenn "Glenn Five" Gyorffy (Baixo, Backing Vocals, 1996-2012)
Sal Italiano (Baixo, 2012-2014)



Hard 'n' Heavy (1981)
01. School Love
02. AC/DC
03. At The Apartment
04. I Want You Both (With Me)
05. Bedroom Game
06. Oooh Baby
07. Paint It Black
08. Oh Jane
09. Hot Child
10. Bondage



Metal On Metal (1982)
01. Metal On Metal
02. Mothra
03. Stop Me
04. March Of The Crabs
05. Jackhammer
06. Heat Sink
07. Tag Team
08. Scenery
09. Tease Me, Please Me
10. 666



Forged In Fire (1983)
01. Forged In Fire
02. Shadow Zone
03. Free As The Wind
04. Never Deceive Me
05. Better-Bust Jerky
06. Future Wars
07. Hard Times - Fast Ladies
08. Make It Up To You
09. Motormount
10. Winged Assassins



Backwaxed (Coletânea 1985)
01. Backwaxed
02. Steamin'
03. Pussy Poison
04. You're A Liar
05. Fryin' Cryin'
06. Metal On Metal
07. Butter-Bust Jerky
08. Scenery
09. Jackhammer
10. School Love



Strength Of Steel (1987)
01. Strength Of Steel
02. Concrete Jungle
03. 9-2-5
04. I Dreamed It Was The End Of The World
05. Flight Of The Bumble Beast
06. Cut Loose
07. Mad Dog
08. Straight Between The Eyes
09. Wild Eyes
10. Kiss Of Death
11. Paper General



Pound For Pound (1988)
01. Blood On The Ice
02. Corporate Preacher
03. Toe Jam
04. Safe Sex
05. Where Does All The Money Go?
06. Brain Burn
07. Senile King
08. Machine Gun
09. Fire In The Night
10. Cramps



Past And Present: Live In Concert (1989)
01. Concrete Jungle
02. Toe Jam
03. Motormount
04. Forged In Fire
05. Blood On The Ice
06. March Of The Crabs / Jackhammer
07. Metal On Metal / Winged Assassins
08. 666 / Mothra



Worth The Weight (1992)
01. Infanticide
02. On The Way To Hell
03. Bushpig
04. Embalmer
05. Pow Wow
06. Sins Of The Flesh
07. A.Z. #85
08. Sadness/Love Me When I'm Dead



Plugged In Permanent (1996)
01. Racial Hostility
02. Doctor Kevorkian
03. Smokin' Green
04. Destined for Doom
05. Killer Hill
06. Face Pull
07. I'm Trying to Sleep
08. Stolen (Bonus Track For Japan)
09. Five Knuckle Shuffle
10. Truth or Consequence
11. Guilty



Absolutely No Alternative (1997)
01. Old School
02. Green Jesus
03. Show Me Your Tits
04. No One To Follow
05. Hair Pie
06. Rubber Neck
07. Piss Test
08. Red Light
09. Black Or White
10. Hero By Death
Bonus Tracks For Japan.
11. March Of The Crabs '97
12. Free As The Wind (Live)



Speed Of Sound (1999)
01. Speed Of Sound
02. Blood In The Playground
03. Deadbeat Dad
04. Man Over Board
05. No Evil
06. Bullshit
07. Matress Mambo
08. Secret Agent
09. Life To Lead
10. Park That Truck
Bonus Track For Japan.
11. Kick Some Ass
12. Vengeance to Kill



Plenty Of Power (2001)
01. Plenty Of Power
02. Groove Science
03. Ball Of Fire
04. The Creep
05. Computer Drone
06. Beat The Law
07. Pro Wrestling
08. Siren Of The Sea
09. Disgruntled
10. Real Metal
11. Dirty Dorothy (Bonus Track)



Still Going Strong (2002)
01. Race Against Time
02. In Hell
03. Holy Wood
04. Still Going Strong
05. Don't Ask Me
06. Waiting
07. White Rhino
08. What I'm About
09. Sativa
10. Defiant



Back To Basics (2004)
01. Fuel For The Fire
02. Keep It Up
03. Song Of Pain
04. You Get What You Pay For
05. The Chainsaw
06. Can't Catch Me
07. Go Away
08. Bottom Feeder
09. Cruel World
10. Fast Driver



This Is Thirteen (2007)
01. This Is Thirteen
02. Bombs Away
03. Burning Bridges
04. Ready To Fight
05. Flying Blind
06. Room #9
07. Axe To Grind
08. Feed The Greed
09. Big Business
10. Should' A Would' A Could' A
11. Worry
12. Game Over
13. American Refugee
14. Thumb Hang (Bonus Track)



Juggernaut Of Justice (2011)
01. Juggernaut of Justice
02. When Hell Breaks Loose
03. New Orleans Voo Doo
04. On Fire
05. Fuken Eh!
06. Turn It Up
07. This Ride
08. Not Afraid
09. Conspiracy
10. Running
11. Paranormal
12. Swing Thing
Bonus Tracks.
13. The Station
14. Tonight is Coming



Monument Of Metal (Coletânea 2011)
01. Metal On Metal
02. Winged Assassins
03. 666
04. Thumbhang
05. School Love
06. Heat Sink
07. March Of The Crabs (Instrumental)
08. Plenty Of Power
09. Mothra
10. Sins Of The Flesh
11. Jackhammer (Live)
12. Juggernaut Of Justice
13. No One To Follow
14. Mad Dog
15. Bottom Feeder
16. Race Against Time
17. American Refugee
18. Fire In The Night
19. Park That Truck



Hope In Hell (2013)
01. Hope in Hell
02. Eat your Words
03. Through with You
04. The Fight Is Never Won
05. Pay the Toll
06. Flying
07. Call of Duty
08. Badass Rock n Roll
09. Time Shows no Mercy
10. Mankind Machine
11. Shut the Fuck Up
Bonus Tracks.
12. Hard Wired
13. Fire at Will



Anvil Is Anvil (2016)
01. Daggers And Rum
02. Up, Down, Sideways
03. Gun Control
04. Die For A Lie
05. Runaway Train
06. Zombie Apocalypse
07. Its Your Move
08. Ambushed
09. Fire On The Highway
10. Run Like Hell
11. Forgive Don`t Forget
12. Never Going To Stop (Bonus Track)



Pounding The Pavement (2018)
01. Bitch In The Box
02. Ego
03. Doing What I Want
04. Smash Your Face
05. Pounding The Pavement
06. Rock That Shit
07. Let It Go
08. Nanook Of The North
09. Black Smoke
10. World Of Tomorrow
11. Warming Up
12. Don't Tell Me (Bonus Track)




Todos comentários aparecem após a aprovação, portanto aguarde a moderação do seu comentário sem precisar repeti - ló várias vezes.

Perguntas, avisos ou problemas no blog, serão atendidos somente através do e-mail: murodoclassicrock@gmail.com

Quem insistir em escrever nos comentários será ignorado e o problema não será corrigido.

Por vários motivos esse Blog não atende pedidos de discografias, e-mails ignorando este aviso serão marcados como Spam.

Links alheios não serão permitidos.

Respeite os gostos e opiniões alheias, críticas, ofensas e discussões com palavras de baixo calão não serão permitidas.

19 comentários :

  1. caralho Anvil é foda
    thanks

    ResponderExcluir
  2. Tinha baixado o primeiro e último, de dor mil e sete. É porrada, porrada, porrada. Voltei pra baixar o resto. Thank you, grace to God, the horned God, Omolu.

    ResponderExcluir
  3. vlw brothers...melhor site de dowloads de discografias que tem!! Anvil eh tenso Abraços

    ResponderExcluir
  4. ESSA BANDA É EXCELENTE MAS NÃO TEM O RECONHECIMENTO QUE MECE!

    ResponderExcluir
  5. O BATERA DESSA BANDA TOCA MUITO.

    ResponderExcluir
  6. Essa banda ,é muito foda, pena que pouco conhecida, é a precursora do trash metal,o que muitos não sabem.

    ResponderExcluir
  7. É difícil achar pessoas dedicadas como vocês, e é difícil achar um blog com tanta qualidade como esse. Muito grato.
    Anvil é foda pra cassete!!!!!

    ResponderExcluir
  8. Anvil é foda! Heavy metal na bagaça ai!

    ResponderExcluir
  9. paulllmetalll cvo11/07/2013 20:42

    fodao, curtir muito, conhecia muito pouco, como sempre valeu Alex puta banda!!!!!!!!!!!!!!!!

    ResponderExcluir
  10. O documentário Anvil - The Story of Anvil é obrigatório para fãs de rock! O filme mostra os caras fudidos, mas sem perder a esperança, principalmente o Lips. A amizade entre Lips e o baterista Robb Reiner é umas das coisas mais fantásticas que já vi.
    Filmaço!!

    ResponderExcluir
  11. Parabéns grande guerreiro Alex Sala por mais esta excelente postagem,muro do classic rock a melhor e maior enciclopedia do rock na internet,um abraço meu brother,Fabio sm.

    ResponderExcluir
  12. Mila Moreira21/07/2015 17:25

    Banda maravilhosa... ainda não entendo como ela não é tão conhecida... Grande banda, baixei os álbuns que faltavam... Valeu, vida longa ao muro!!!!!

    ResponderExcluir
  13. Esta banda é muito boa! Eu já sabia da sua existencia mas não tinha ouvido e apreciado como agora! Valeu mesmo por disponibilizar este "sagrado" espaço musical.

    ResponderExcluir
  14. Anvil metal on metal to baixando metalzão intenso; valeu muro representando como sempre!

    ResponderExcluir
  15. Amigo Alex. Muito obrigado!!! Excelente banda, show de sonoridade! Deus lhe abençoe.
    Eles como sempre dão aula de como se faz! É só ouvir o disco de 2016!!

    ResponderExcluir

Todos comentários aparecem após a aprovação, portanto aguarde a moderação do seu comentário sem precisar repeti - ló várias vezes.

Perguntas, avisos ou problemas no blog, serão atendidos somente através do e-mail: murodoclassicrock@gmail.com

Quem insistir em escrever nos comentários será ignorado e o problema não será corrigido.

Por vários motivos esse Blog não atende pedidos de discografias, e-mails ignorando este aviso serão marcados como Spam.

Links alheios não serão permitidos.

Respeite os gostos e opiniões alheias, críticas, ofensas e discussões com palavras de baixo calão não serão permitidas.