'/> Muro do Classic Rock: Dinosaur Jr. - Discografia.
Please enable / Bitte aktiviere JavaScript!
Veuillez activer / Por favor activa el Javascript![ ? ]

16 de abril de 2013

Dinosaur Jr. - Discografia.

O Dinosaur Jr. foi juntamente com os Pixies um dos principais responsáveis pelo retorno dos solos de guitarra ao rock independente americano (até então dominado pelo pós-punk/hardcore), eles adicionaram grandiosos solos de guitarra, distorção e barulho a um som temperado por letras depressivas, vocais desleixados e riffs melódicos. O Dinosaur Jr. é citado como grande influência além do próprio Pixies, por Sonic Youth, Nirvana e toda uma geração de bandas surgidas nos anos 90. 

A medida que a carreira do Dinosaur Jr. ia evoluindo, a banda ia se tornando um veículo para o líder J Mascis, o único membro constante durante toda a carreira do Dinosaur Jr. e o grande responsável pelas composições da banda, o que teve como resultado o abandono de um som mais hardcore dos primeiros discos para composições mais tranquilas e simples, com muitos ecos de Neil Young. 

Os álbuns do Dinosaur Jr. lançados depois de 1990 (quando o "grupo" era basicamente um nome através do qual J Mascis lançava o seu trabalho) não são particularmente revolucionários, ainda que possam ser considerados entre os melhores do rock americano daquela década. Mas são os discos da banda lançados na década de 80 para a gravadora SST que são uma história a parte, infinitamente mais inovadores, de certa forma premeditando o som dito "grunge", e servindo como base para o sucesso comercial do rock alternativo no início dos anos 90. O próprio Dinosaur Jr. foi beneficiado por esse sucesso, quando a banda se tornou maior do que simplesmente um nome respeitado e cultuado, passando a conquistar um público bem maior. 

J. Mascis (guitarra, vocal), formou o Dinosaur Jr. (inicialmente sem o "Jr." no nome) em 1983 em Amherst, Massachusetts, juntamente com seu colega de High School, Lou Barlow (baixo). Mascis inicialmente tocava bateria no Dinosaur, mas logo em seguida passando para a guitarra assim que o baterista Emmett Murph entrou no grupo. Nos próximos dois anos a banda conquistou um pequeno público próprio na sua cidade e em 1985, o trio lançou seu primeiro álbum, Dinosaur, pelo selo independente Homestead. O disco e os shows arrasadores do Dinosaur começaram a chamar a atenção e a banda via seu público aumentar constantemente. No final de 1986, uma banda hippie chamada Dinosaur (que incluía membros do Jefferson Airplane) processou a banda, que assim, acabou mudando o nome para Dinosaur Jr. 

Em 1987, o Dinosaur Jr. assinou contrato com a influente gravadora independente SST (de propriedade do Black Flag) e lançou "You're Living All Over Me", que se tornou uma sensação no underground, sendo considerado uma obra prima pela crítica. O estilo do Dinosaur Jr. e particularmente as guitarras distorcidas de J. Mascis passaram a ser muito elogiados por grupos como o Sonic Youth, que por muitas vezes exaltou o Dinosaur Jr. em entrevistas. No início de 1988, eles lançaram o influente single "Freak Scene", uma música que capturava e refletia o espírito do underground americano pós-punk da época. "Freak Scene" se tornou um hit nas college rádios, o que abriu caminho para mais um aclamado álbum, "Bug", lançado ainda em 1988. Embora a popularidade do Dinosaur Jr. continuava a aumentar, começavam a surgir tensões entre seus integrantes, principalmente entre Mascis e Barlow, que mal se falavam. Em 1989, Mascis disse a Barlow que o Dinosaur Jr. tinha acabado; mas no dia seguinte ele "re-formou" o Dinosaur Jr., desta vez sem Barlow, que acabou formando a banda Sebadoh, e gerando uma rivalidade de anos entre os dois.

Sem Barlow, o Dinosaur Jr. teve vários baixistas temporários, inclusive Van Conner do Screaming Trees, que entrou na banda a convite de Mascis para tocar alguns shows. Em 1989 o grupo teve outro hit com a cover "Just Like Heaven" do Cure e no ano seguinte, assinaram com a Sire Records (uma subsidiária da Warner). Após "Just Like Heaven", Mascis seguiu um tempo como produtor, quando trabalhou em um álbum do Buffalo Tom e colaborando com amigos como Don Fleming (no projeto Velvet Monkeys) e integrantes do Sonic Youth, antes de gravar o próximo disco do Dinosaur Jr. "Green Mind", o primeiro disco do Dinosaur Jr. por uma grande gravadora, foi lançado em 1991 e foi gravado quase que totalmente por Mascis que tocou todos os instrumentos (com exceção da bateria a cargo de Murph). O estilo variado e eclético do disco foi recebido com frieza pela crítica e pelos circuitos alternativos. Antes da turnê de Gren Mind, Mike Johnson se tornou o baixista da banda. Na turnê, a banda de abertura era o Nirvana, que com o sucesso de Nevermind, em seguida ofuscou o Dinosaur na turnê. 

Era o momento da explosão do rock alternativo, mas ao invés de capitalizar em busca do sucesso, o Dinosaur lançou um EP, "Whatever's Cool With Me" no início de 1992 e desapareceu para gravar seu próximo álbum. 

"Where You Been" só foi lançado em 1993, mas ainda assim foi beneficiado pelo 'boom' da música alternativa e acabou se tornando o primeiro disco do Dinosaur Jr. a figurar na parada da Billboard, atingindo o número 50, com vendas um pouco inferiores a 500 mil cópias. "Start Choppin'" o principal single do álbum foi um moderado hit nas paradas de rock nos Estados Unidos. Na época de lançamento de "Where You Been" todas as publicações e artigos de imprensa se referiam a J Mascis como um dos principais nomes do rock alternativo e foi um momento de grande prestígio na carreira do Dinosaur Jr. 

Ainda em 1993, a banda participou da terceira edição do festival Lollapalooza. Durante o festival, ocorreram novos novos conflitos internos, desta vez envolvendo Mascis e o baterista Murph. Durante as gravações do próximo disco "Without a Sound", Mascis tocou todas as partes de bateria. Mais tarde, pouco antes do disco ficar pronto, ele dispensa Murph do Dinosaur Jr. (Murph acabou ingressando no Lemonheads). O Dinosaur Jr. lançou o disco "Without A Sound" em 1994, que repetiu o desempenho de seu predecessor, graças ao hit "Feel The Pain" (que contava com um vídeo clip bastante inovador, dirigido pelo conceituado Spike Jonze, e que trazia Mascis jogando golfe pelas ruas de Nova York). 

No entanto, a recepção da crítica foi bastante dividida com o álbum, com alguns críticos argumentando que o Dinosaur Jr. já não estava no melhor de sua forma. No início de 1995, Mascis se lançou em uma turnê acústica solo, sendo que um desses shows, acabou se tornando o seu primeiro registro solo, "Martin & Me", lançado em 1996. 

Após contribuir algumas faixas (inspiradas no estilo de Brian Wilson do Beach Boys) para a trilha sonora do filme "Grace of My Heart" em 1996, Mascis começa a trabalhar sozinho no próximo álbum do Dinosaur Jr., sem a presença do baixista Mike Johnson, que seguiu em carreira solo (além de suas participações nos álbuns solos de Mark Lanegan). O Dinosaur Jr. e seu único integrante lança o disco "Hand It Over" em 1997, que foi considerado o melhor trabalho de Mascis em vários anos. No entanto, o disco não trazia nenhum hit e acabou ignorado pelo grande público. 

Pouco tempo depois, Mascis anuncia o fim do Dinosaur Jr. e passa um recluso tempo recluso. 

Ele retorna à ativa somente em 2000 com seu segundo trabalho solo, acompanhado de uma banda batizada como The Fogs, que consistia em Kevin Shields (My Bloody Valentine) e Bob Pollard (Guided By Voices). O disco chama-se "More Light", foi lançado pelo selo independente Ultimatum, e sua sonoridade e bastante semelhante ao trabalho mais recente do Dinosaur Jr. J Mascis + The Fog partem para uma turnê pelos Estado Unidos, para essa turnê, Mascis é acompanhado do baixista Mike Watt (do Minutemen, Firehose e artista solo). 

Em 1999 também é lançado o álbum de raridades do Dinosaur Jr., "BBC: In Session", extraídos de apresentações ao vivo para a emissora inglesa BBC. Em 2007 lançaram o álbum Beyond, em 2009 o álbum Farm e em 2012 o álbum I Bet on Sky, no mesmo ano também foi lançado o álbum ao vivo de 1987 chamado Chocomel Daze. Texto: Alexandre Luzardo (Whiplash) Site Oficial.

Integrantes.

Atuais.

J Mascis (Vocal, Guitarra, Teclado, 1984-1997, desde 2005, Bateria, 1991, 1994-1997)
Lou Barlow (Baixo, Backing e Vocal, 1984-1989, desde 2005)
Murph (Bateria, 1984-1993, desde 2005)


Ex - Integrantes.

Mike Johnson (Baixo, Backing Vocals, 1991-1997)
George Berz (Bateria, Ao Vivo, 1993-1997)




Dinosaur (1985)
01. Forget The Swan (5:13)
02. Cats In A Bowl (3:39)
03. The Leper (4:08)
04. Does It Float (3:21)
05. Pointless (2:46)
06. Repulsion (3:07)
07. Gargoyle (2:14)
08. Severed Lips (4:06)
09. Mountain Man (3:33)
10. Quest (4:26)
11. Bulbs Of Passion (4:13)



You're Living All Over Me (1987)
01. Little Fury Things (3:07)
02. Kracked (2:51)
03. Sludgefeast (5:17)
04. The Lung (3:51)
05. Raisans (3:51)
06. Tarpit (4:36)
07. In A Jar (3:29)
08. Lose (3:11)
09. Poledo (5:44)
10. Just Like Heaven (2:56)



Bug (1988)
01. Freak Scene (3:37)
02. No Bones (3:43)
03. They Always Come (4:37)
04. Yeah We Know (5:24)
05. Let It Ride (3:37)
06. Pond Song (2:54)
07. Budge (2:33)
08. The Post (3:38)
09. Don't (5:42)



Green Mind (1991)
01. The Wagon (4:55)
02. Puke + Cry (4:28)
03. Blowing It (2:45)
04. I Live For That Look (1:57)
05. Flying Cloud (2:35)
06. How'd You Pin That One On Me (4:25)
07. Water (5:38)
08. Muck (4:16)
09. Thumb (5:38)
10. Green Mind (5:04)
Bonus Tracks.
11. Hot Burrito #2 (3:23)
12. Turnip Farm (5:51)
13. Forget It (4:07)



Where You Been (1993)
01. Out There (5:55)
02. Start Choppin (5:40)
03. What Else Is New (5:10)
04. On The Way (3:30)
05. Not The Same (6:02)
06. Get Me (5:52)
07. Drawerings (4:51)
08. Hide (4:18)
09. Goin Home (4:20)
10. I Ain't Sayin (2:33)
Bonus Tracks.
11. Hide (John Peel Session) (3:50)
12. Keeblin' (3:41)
13. What Else Is New (Live) (10:02)



Without A Sound (1994)
01. Feel The Pain (4:19)
02. I Don't Think So (3:37)
03. Yeah Right (2:47)
04. Outta Hand (5:00)
05. Grab It (3:33)
06. Even You (3:23)
07. Mind Glow (4:04)
08. Get Out Of This (5:23)
09. On The Brink (3:14)
10. Seemed Like The Thing To Do (5:49)
11. Over Your Shoulder (4:52)



Hand It Over (1997)
01. I Don't Think (3:22)
02. Never Bought It (3:43)
03. Nothin's Goin On (3:14)
04. I'm Insane (3:53)
05. Can't We Move This (3:42)
06. Alone (8:02)
07. Sure Not Over You (4:10)
08. Loaded (3:27)
09. Mick (4:39)
10. I Know Yer Insane (3:04)
11. Gettin' Rough (2:13)
12. Gotta Know (4:48)



BBC: In Session (1999)
01. In A Jar (3:31)
02. Leper (4:32)
03. Keep The Glove (2:20)
04. Budge (2:42)
05. Bulbs Of Passion (4:11)
06. Raisins (3:14)
07. Keeblin (3:23)
08. No Bones (3:28)
09. Does It Float (4:41)
10. Get Me (4:23)



Ear-Bleeding Country: The Best Of Dinosaur Jr (Coletânea 2001)
01. Repulsion (3:03)
02. Little Fury Things (3:06)
03. In A Jar (3:28)
04. Freak Scene (3:37)
05. Budge (2:32)
06. Just Like Heaven (2:54)
07. The Wagon (4:55)
08. Thumb (5:36)
09. Whatever's Cool With Me (4:32)
10. Not You Again (2:28)
11. Out There (5:53)
12. Start Choppin (5:37)
13. Get Me (5:50)
14. Feel The Pain (4:18)
15. I Don't Think So (3:36)
16. Take A Run At The Sun (3:28)
17. Nothin's Goin' On (3:13)
18. I'm Insane-J Mascis (3:52)
19. Where'd You Go-J Mascis & The Fogs (3:20)



Beyond (2007)
01. Almost Ready (3:08)
02. Crumble (4:04)
03. Pick Me Up (6:33)
04. Back To Your Heart (4:31)
05. This Is All I Came To Do (5:22)
06. Been There All The Time (3:41)
07. It's Me (5:15)
08. We're Not Alone (4:35)
09. I Got Lost (4:37)
10. Lightning Bulb (3:46)
11. What If I Knew (4:02)



Farm (2009)
01. Pieces (4:32)
02. I Want You To Know (4:30)
03. Ocean In The Way (4:20)
04. Plans (6:42)
05. Your Weather (3:06)
06. Over It (3:47)
07. Friends (4:32)
08. Said The People (7:42)
09. There's No Here (3:39)
10. See You (5:48)
11. I Don't Wanna Go There (8:43)
12. Imagination Blind (3:22)



I Bet On Sky (2012)
01. Don't Pretend You Didn't Know (5:32)
02. Watch The Corners (5:00)
03. Almost Fare (4:52)
04. Stick A Toe In (5:23)
05. Rude (2:50)
06. I Know It Oh So Well (4:43)
07. Pierce The Morning Rain (2:45)
08. What Was That (5:28)
09. Recognition (3:51)
10. See It On Your Side (6:39)



Chocomel Daze, Live 1987 (2012)
01. Severed Lips (6:58)
02. In a Jar (4:27)
03. The Lung (4:39)
04. Tarpit (5:25)
05. Does It Float (4:00)
06. Repulsion (3:29)
07. Lose (3:59)
08. Gargoyle (2:20)
09. Raisans (4:55)
10. Mountain Man (4:35)
11. SludgeFeast (6:02)



Give A Glimpse Of What Yer Not (2016)
01. Goin Down (4:03)
02. Tiny (3:12)
03. Be A Part (4:38)
04. I Told Everyone (3:40)
05. Love Is... (3:40)
06. Good To Know (3:28)
07. I Walk For Miles (5:35)
08. Lost All Day (5:06)
09. Knocked Around (4:48)
10. Mirror (4:17)
11. Left/Right (3:52)




Todos comentários aparecem após a aprovação, portanto aguarde a moderação do seu comentário sem precisar repeti - ló várias vezes.

Perguntas, avisos ou problemas no blog, serão atendidos somente através do e-mail: murodoclassicrock@gmail.com

Quem insistir em escrever nos comentários será ignorado e o problema não será corrigido.

Por vários motivos esse Blog não atende pedidos de discografias, e-mails ignorando este aviso serão marcados como Spam.

Links alheios não serão permitidos.

Respeite os gostos e opiniões alheias, críticas, ofensas e discussões com palavras de baixo calão não serão permitidas.

13 comentários :

  1. MEU AMIGO ALEX,AGORA ESTOU SEM PALAVRAS,ESTA POSTAGEM É REALMENTE MUITO BOA CARA,EU JÁ TENHO TUDO AQUI,MAS PRA GALERA QUE QUER CONHECER O DINOSAUR JR PODE COMEÇAR POR AQUI,PARABÉNS ALEX,MESMO ABRAÇOSSSSSSSSSSSSSSSSSS

    ResponderExcluir
  2. Alisson Araújo17/04/2013 14:07

    alex tu é o cara véio. postagem espetacular, dinosaur jr. é muito massa. parabéns.

    ResponderExcluir
  3. a banda college radio mais introspectiva e deliciosa de ouvir de todo o cenário alternativo. Não há como não ficar horas ouvindo o magnífico trabalho de J. Mascis e companhia.

    ResponderExcluir
  4. Sou muito fã do Dinosaur. Tá demais a página. Tô aprendendo guitarra só por causa do J Mascis.

    ResponderExcluir
  5. BERTHÔ (José Berto)23/09/2013 21:55

    ÊTA BANDA GOSTOSA DE OUVIR SÔ !
    TEM MUITA BANDA POR AÍ QUE DEVERIA APRENDER COM ESSA!
    E TEM MUITO BLOG POR AÍ QUE DEVERIA TOMAR AULAS COM VOCÊ ALEX...ÊTA MUNDÃO DOIDO SÔ...
    VALEU MIGÃO !

    ResponderExcluir
  6. A música They Always Come é muito foda... é uma banda que sabe emocionar.

    ResponderExcluir
  7. awesome ... stay rocking \m/

    ResponderExcluir
  8. Essa banda é simplemente d+

    ResponderExcluir

Todos comentários aparecem após a aprovação, portanto aguarde a moderação do seu comentário sem precisar repeti - ló várias vezes.

Perguntas, avisos ou problemas no blog, serão atendidos somente através do e-mail: murodoclassicrock@gmail.com

Quem insistir em escrever nos comentários será ignorado e o problema não será corrigido.

Por vários motivos esse Blog não atende pedidos de discografias, e-mails ignorando este aviso serão marcados como Spam.

Links alheios não serão permitidos.

Respeite os gostos e opiniões alheias, críticas, ofensas e discussões com palavras de baixo calão não serão permitidas.