Please enable / Bitte aktiviere JavaScript!
Veuillez activer / Por favor activa el Javascript![ ? ]

26 de dezembro de 2018

Gerry Mulligan - Collection.

Gerald Joseph ” Gerry ” Mulligan (6 de abril de 1927 – 20 de janeiro de 1996) foi um saxofonista do jazz americano, clarinetista, compositor e arranjador.

Embora Mulligan seja conhecido principalmente como um dos principais baritonístas da história do jazz, tocando o instrumento com um som único na era do jazz cool, ele também foi um arranjador notável , trabalhando com Claude Thornhill , Miles Davis , Stan Kenton , entre outros. O quarteto pianoless de Mulligan do início dos anos 50 com o trompetista Chet Baker ainda é considerado um dos mais importantes grupos do cool jazz. Mulligan foi também um pianista qualificado e tocou vários outros instrumentos de palheta. Várias de suas composições, como ” Walkin ‘Shoes ” e “Five Brothers”, tornaram-se padrões de jazz. Gerry Mulligan nasceu em Queens Village, Queens , Nova York , filho de George e Louise Mulligan. Seu pai era nativo de Delaware de ascendência irlandesa ; Sua mãe, uma filipina nativa de meia descendência irlandesa e metade alemã. Gerry era o último de quatro filhos: George, Phil, Don e Gerry. A carreira de George Mulligan como engenheiro ex igia movimentos frequentes através de numerosas cidades. Quando Gerry tinha menos de um ano de idade, a família se mudou para Marion, Ohio , onde seu pai aceitou um emprego na Marion Power Shovel Company. Com as exigências de uma casa grande e de quatro meninos para criar, a mãe de Mulligan contratou uma babá afro-americana chamada Lily Rose, que gostava especialmente do mais jovem Mulligan. À medida que se tornava mais velho, Mulligan começou a passar o tempo na casa de Rose e foi especialmente divertido pelo piano de Rose. 

Músicos negros às vezes passavam pela cidade, e porque muitos motéis não os aceitavam, muitas vezes precisavam ficar em casas dentro da comunidade negra. O jovem Mulligan ocasionalmente se encontrava com músicos que ficavam na casa de Rose. As mudanças da família continuaram com paradas no sul de Nova Jersey (onde Mulligan vivia com sua avó materna), Chicago, Illinois, e Kalamazoo, Michigan , onde Mulligan viveu por três anos e frequentou a escola católica. Quando a escola mudou-se para um novo edifício e estabeleceu cursos de música, Mulligan decidiu tocar clarinete na orquestra jovem da escola. Mulligan fez uma tentativa de arranjo com a música de Richard Rodgers ” Lover “, mas o arranjo foi apreendido antes de sua primeira leitura por uma freira que foi “surpreendida” pelo título no arranjo. Quando Gerry Mulligan tinha 14 anos, sua família se mudou para Detroit e depois para Reading, na Pensilvânia.

Enquanto em Reading, Mulligan começou a estudar clarinete com o músico de banda de dança Sammy Correnti, que também incentivou o interesse de Mulligan em arranjos. Mulligan também começou a tocar saxofone profissionalmente em bandas de dança na Filadélfia.

A família Mulligan mudou-se para a Filadélfia, onde Gerry assistiu o West Philadelphia Catholic High School para meninos e organizou uma big band da escola, para quem ele também escreveu arranjos. Quando Mulligan tinha dezesseis anos, ele se aproximou de Johnny Warrington na estação de rádio local WCAU. Warrington ficou impressionado e começou a comprar os arranjos de Mulligan. Mulligan deixou o colégio durante seu último ano para trabalhar com uma banda em turnês. Ele entrou em contato com o líder da banda Tommy Tucker quando Tucker estava visitando o Teatro Earle de Filadélfia. Enquanto Tucker não precisava de um reedman adicional, ele estava procurando um arranjador e Mulligan foi contratado por US $ 100 por semana para fazer dois ou três arranjos por semana (incluindo todas as cópias). No final do contrato de três meses de Mulligan, Tucker disse a Mulligan que ele deveria passar para outra banda que era um pouco menos “tranquila” para escrever. Mulligan voltou para a Filadélfia e começou a escrever para Elliot Lawrence , um pianista e compositor que tinha tomado Warrington como o líder da banda na WCAU.

Mulligan mudou-se para a cidade de Nova York em janeiro de 1946 e se juntou ao pessoal da “Baby’s Band” de Gene Krupa . Arranjos notáveis ​​do trabalho de Mulligan com Krupa incluem “Birdhouse”, “Disc Jockey Jump” e um arranjo de ” How High the Moon ” que citou Charlie Parker ” Ornitology ” como contramelodia. Mulligan começou então a arranjar para a orquestra de Claude Thornhill , sentando-se ocasionalmente como um membro da seção da palhetas . O pessoal de arranjo de Thornhill incluía Gil Evans , que Mulligan conhecera enquanto trabalhava com a banda Krupa. Mulligan finalmente começou a viver com Evans, no momento em que apartamento de Evans na West 55th Street se tornou um ponto de encontro regular para um número de músicos de jazz trabalhando na criação de um novo idioma jazz.

Nascimento do Cool.

Em setembro de 1948, Miles Davis formou uma banda de nove musicos que contou com arranjos de Mulligan, Evans e John Lewis . A banda inicialmente consistia de Davis no trompete, Mulligan no saxofone barítono, trombonista Mike Zwerin , saxofonista alto Lee Konitz , Junior Collins na trompa francesa, tubista Bill Barber , pianista John Lewis, baixista Al McKibbon e o baterista Max Roach. A banda só tocou um punhado de performances ao vivo (um compromisso de duas semanas no Royal Roost clube de jazz e duas noites no Clube Clique). No entanto, ao longo dos próximos anos, Davis reformou o nonet em três ocasiões para gravar doze peças para lançamento como singles. Estes foram eventualmente compilados em um álbum da Capitol Records , intitulado Birth of the Cool . Mulligan escreveu e arranjou três das músicas gravadas (“Rocker”, “Vênus de Milo”, e “Jeru”, o último nomeado após si mesmo), e organizou mais três (“Deception”, “Godchild” e “Darn That Sonhe”). Ele também foi (com Davis, Konitz e Barber) um dos quatro músicos que tocaram em todas as gravações. Apesar da recepção fria da audiência de 1949, o nonet de Davis foi julgado pela história como um dos grupos os mais influentes na história do jazz, criando um som que, apesar de suas origens da costa leste , se tornou conhecido como o jazz da costa oeste. Durante seu período de trabalho ocasional com o nonet de Davis entre 1949 e 1951, Mulligan igualmente executou regularmente arranjos para o trombonista Kai Winding. 

A composição de Mulligan “Elevation” e seu arranjo de ” Between the Devil e Deep Blue Sea ” foram gravadas pelo antigo chefe de Mulligan, Elliott Lawrence. Isso trouxe Mulligan reconhecimento adicional. Mulligan também arranjou e gravou com bandas lideradas por Georgie Auld e Chubby Jackson. Em setembro de 1951, Mulligan gravou o primeiro álbum com seu nome, Mulligan Plays Mulligan.

A essa altura, ele tinha dominado um estilo de jogo melódico e linear, inspirado por Lester Young , que ele iria manter para o resto de sua carreira. Na primavera de 1952, buscando melhores oportunidades de emprego, Mulligan dirigiu-se para Los Angeles com sua namorada, a pianista Gail Madden. Através de um contato com o arranjador Bob Graettinger , Mulligan começou a escrever arranjos para a Orquestra de Stan Kenton . Embora a maior parte do trabalho de Mulligan para Kenton fossem arranjos para pedestres dança, Mulligan foi capaz de lançar alguns trabalhos originais mais substanciais ao longo do caminho. Suas composições “Walking Shoes” e “Young Blood” destacam-se como personagens do estilo contrapontístico que se tornou a assinatura de Mulligan. As primeiras sessões de gravação de Mulligan em Los Angeles foram produzidas por Richard Bock da Pacific Jazz Records. Estas três sessões informais aconteceram em junho, julho e agosto de 1952 na casa de Hollywood Hills do engenheiro Phil Turetsky. Nessas sessões, Mulligan, Chet Baker e outros gravaram o material que foi lançado como Pacific Jazz PJ LP-1 e mais tarde PJ-8.

O quarteto pianoless com Chet Baker.

Enquanto fazia arranjos para Kenton, Mulligan começou a se apresentar em off-noites no The Haig , um pequeno clube de jazz em Wilshire Boulevard na Kenmore Street. Durante as JAM sessions na noite de segunda-feira, um jovem trompetista chamado Chet Baker começou a aproximar-se de Mulligan.

Mulligan e Baker começaram a gravar juntos, embora não estivessem satisfeitos com os resultados. Por volta desse período, o trio do vibonista Red Norvo começou a tocar no Haig, deixando assim sem necessidade de manter o piano de cauda que tinha sido trazido para a estadia de Erroll Garner no clube. Diante de um dilema do que fazer para uma marcação rítmica, Mulligan decidiu construir em experiências anteriores e atuar como um quarteto pianoless com Baker no trompete, Bob Whitlock no baixo e Chico Hamilton na bateria (mais tarde Mulligan ocasionalmente dobrava no piano). Logo depois, começaram a gravadora The Pacific Jazz e lançaram os discos de Mulligan.

O estilo melódico de Baker se encaixa bem com o de Mulligan, levando-os a criar texturas contrapontísticas improvisadas, livres dos rígidos confins de uma estrutura cordal reforçada por piano.  Apesar de suas origens muito diferentes – Mulligan, um New Yorker de formação clássica, e Baker, de Oklahoma e um músico muito mais instintivo, eles tinham um relacionamento quase psíquico e Mulligan comentou mais tarde que, “Eu nunca tinha experimentado algo assim antes.” Suas guigs no Haig tornaram-se sell-outs e as gravações que fizeram no outono de 1952 se tornaram grandes sucesso que levaram a aclamação significativa para Mulligan e Baker. As gravações incluíram singles como 1953 “Motel” etiquetado como “Gerry Mulligan Art featuring Chet Baker”. Esta colaboração fortuita chegou a um fim abrupto com a prisão de Mulligan em acusações de narcóticos em meados de 1953 que levou a seis meses de prisão.

Ambos Mulligan e Baker tinham se tornado, como muitos de seus parceiros de palco, viciados em heroína. No entanto, enquanto Mulligan estava na prisão, Baker transformou o seu estilo lírico no trompete, suave voz de tenor para o estrelato independente. Assim quando em cima de sua liberação Mulligan tentou voltar a tocar com Baker, o trompetista recusou a oferta para razões financeiras. Eles se reuniram eventualmente no Festival de Jazz de Newport em 1955 e ocasionalmente se reuniam para performances e gravações até uma performance de 1974 no Carnegie Hall . Mulligan continuou o formato do quarteto com o trombonista Bob Brookmeyer que substitui Baker, embora Mulligan e Brookmeyer ambos tocassem ocasionalmente o piano. Esta estrutura de quarteto permaneceu o núcleo dos grupos de Mulligan durante todo o resto da década de 1950 com mudanças de pessoal esporádicas e expansões do grupo com trompetistas Jon Eardley e Art Farmer , os saxofonistas Zoot Sims, Al Cohn e Lee Konitz e o vocalista Annie Ross . Em 1957, Mulligan e sua esposa, Arlyne Brown Mulligan (filha do compositor Lew Brown ), tiveram um filho, Reed Brown Mulligan. Desde então ele teve uma neta, Brigid Ruth Mulligan. Mulligan também estudou piano com Suezenne Fordham, que era um membro do círculo íntimo de jazzistas em Nova York. Ela foi procurada pelos músicos de jazz da época para treiná-los para melhorar sua técnica de piano.

Ela e Mulligan também tiveram uma relação pessoal de 1966 a 1972. Mulligan também se apresentou como solista ou sideman (frequentemente em cenários de festivais) com uma variedade de artistas de jazz de final de 1950: Paul Desmond , Duke Ellington , Ben Webster, Johnny Hodges , Jimmy Witherspoon , André Previn, Billie Holiday , Marian McPartland, Louis Armstrong , Count Basie , Stan Getz, Thelonious Monk , Fletcher Henderson , Manny Albam , Quincy Jones, Kai Winding , Miles Davis e Dave Brubeck.

Mulligan apareceu no filme de Art Kane , Um Grande Dia, em Harlem, retrato de 57 músicos de jazz importantes, tirado em agosto de 1958. Mulligan formou seu primeiro “Concert Jazz Band” na primavera de 1960. Em parte uma tentativa de rever a música de big band em um cenário menor, a banda variou em tamanho e pessoal, com o grupo principal sendo seis metais, cinco palhetas (incluindo Mulligan) E uma seção rítmica pianoless de duas peças (embora como nos quartetos mais adiantados Mulligan ou Brookmeyer dobrando às vezes no piano).

Os integrantes incluíram (em várias ocasiões, entre outros): os trompetistas Conte Candoli , Nick Travis , Clark Terry , Don Ferrara, Al Derisi, Thad Jones e Doc Severinsen , os saxofonistas Zoot Sims Jim Reider, Gene Allen, Bobby Donovan, Phil Woods e Gene Quill , os trombonistas Willie Dennis, Alan Raph e Bob Brookmeyer, os bateristas Mel Lewis e Gus Johnson , e os baixistas Buddy Clark e Bill Crow. 

A banda também gravou um álbum de canções cantadas pela amiga íntima de Mulligan, Judy Holliday, em 1961. A banda fez uma turnê e gravou extensivamente até o final de 1964, produzindo cinco álbuns para a Verve Records. Mulligan retomou o trabalho com grupos pequenos em 1962 e apareceu com outros grupos esporadicamente (notavelmente em situações do festival). Mulligan continuou a trabalhar intermitentemente em pequenos grupos até o final de sua vida, embora as datas de execução começassem a se tornar mais raras durante meados da década de 1960. Depois que o quarteto de Dave Brubeck se separou em 1967, Mulligan começou a aparecer regularmente com Brubeck como o “Gerry Mulligan / Dave Brubeck Quartet” até 1973. Depois disso, Mulligan e Brubeck iriam trabalhar juntos esporadicamente até o último ano da vida de Mulligan. Em 1971, Mulligan criou seu trabalho mais importante para big band em mais de uma década, para o álbum The Age of Steam.

Em vários momentos nos anos 70 ele se apresentou com Charles Mingus.

O Concert Jazz Band foi “reformada” com músicos mais jovens, incluindo o pianista  Mitchel Formann, em 1978, e excursionou em várias ocasiões durante os anos 80.

Trabalho de orquestra.

Mulligan, como muitos músicos de jazz de sua época, ocasionalmente gravava com cordas. As datas incluíram 1957 gravações com o quarteto de jazz de Vinnie Burke, um álbum da orquestra em 1959 com André Previn e um em 1965 album do quinteto de Gerry Mulligan. Em 1974, Mulligan colaborou com o músico de tango argentino Ástor Piazzolla. Enquanto estava em Milão para as sessões de gravação, Mulligan conheceu sua futura esposa, a condessa Franca Rota Borghini Baldovinetti, fotojornalista e repórter freelance. Em 1975, Mulligan gravou um álbum com o pianista / compositor italiano Enrico Intra , o baixista Pino Presti , o flautista Giancarlo Barigozzi e o baterista Tullio De Piscopo . O trabalho mais sério de Mulligan com a orquestra começou em maio de 1970 com uma apresentação no oratório de Dave Brubeck, The Light in the Wilderness com Erich Kunzel e a Sinfonia de Cincinnati. Nas décadas de 1970 e 1980, Mulligan trabalhou para construir e promover um repertório de música de saxofone barítono para orquestra. Em 1973, Mulligan foi contratado pelo compositor Frank Proto para escrever um Concerto de Saxofone que foi estreado com o Cincinnati Symphony. Em 1977, a Canadian Broadcasting Corporation encomendou a Harry Freedman para gravar o concerto de saxofones Celebration , que foi realizado por Mulligan com a CBC Symphony.

Em 1982, Zubin Mehta convidou Mulligan para tocar saxofone soprano em uma performance com a Philharmonica de Nova York tocando Bolero de Ravel. Em 1984, Mulligan contratou Harry Freedman para escrever The Sax Chronicles , que era um arranjo de algumas melodias de Mulligan em estilos pastiche. Em abril daquele ano, Mulligan foi um solista com a New American Orchestra em Los Angeles para a estreia de Patrick Williams ‘ Spring Wings. Em junho de 1984, Mulligan completou e realizou sua primeira comissão orquestral, Entente para Saxofone e Orquestra de Barítono , com a Filarmonia Venetia.

Em outubro, Mulligan executou Entente e The Sax Chronicles com a London Symphony Orchestra. Em 1987, Mulligan adaptou o K-4 Pacific (Age of Steam big band recording) para quarteto com orquestra e executou ao lado Entente com a Filarmônica de Israel em Tel Aviv com Zubin Mehta. As aparências orquestrais de Mulligan na época também incluíram a Houston Symphony , a Stockholm Philharmonic e a New York Philharmonic. 1988 viu o premier do octeto de Mulligan para o penhasco do mar , um trabalho da câmara encomendado pelos músicos da câmara do penhasco do mar.

Em 1991 a Orquestra Concordia estreou o Relógio de Momo , um trabalho para orquestra (sem solo de saxofone) que foi inspirado por um livro do autor alemão Michael Ende. Durante todo o trabalho orquestal de Mulligan e até o final de sua vida, Mulligan manteve uma carreira ativa de execução e gravação de jazz – geralmente com um quarteto que incluiu um piano. Em junho de 1988, Mulligan foi convidado a ser o primeiro compositor em residência no Glasgow International Jazz Festival e foi comissionado para escrever um trabalho, que ele intitulou o Flying Scotsman . Em 1991, Mulligan entrou em contato com Miles Davis para regravar a música do álbum 1949 Birth of the Cool.

Davis tinha feito recentemente algumas de suas apresentações de Gil Evans com Quincy Jones no Montreux Jazz Festival e estava entusiasmado. No entanto, Davis morreu em setembro e Mulligan continuou o projeto de gravação e turnê com Wallace Roney e Art Farmer substituindo Davis. Re-Birth of the Cool (lançado em 1992) apresentou as paradas de Birth of the Cool e um novo nonet que incluiu Lewis e Barber da banda original de Davis. Mulligan tocou no Brecon Jazz Festival 1991. A gravação final de Mulligan foi um álbum de quarteto (com convidados ), Dragonfly , gravado no verão de 1995 e lançado no com o selo Telarc. Mulligan se apresentou pela ultima vez no 13 º Festival Flutuante Anual de Jazz, Noruega SS , Caribbean Cruise, 9 de novembro de 1995. Mulligan morreu em Darien, Connecticut , em 20 de janeiro de 1996, aos 68 anos, após complicações da cirurgia no joelho. Sua viúva Franca com quem ele estava casado desde 1976, disse que ele também estava sofrendo de câncer de fígado.

Após a morte de Mulligan, sua biblioteca e inúmeros objetos pessoais (incluindo um saxofone de barítono Conn banhado a ouro) foram entregues à Biblioteca do Congresso. A Coleção Gerry Mulligan está aberta a pesquisadores públicos registrados no Centro de Pesquisas de Artes Cênicas da biblioteca. A biblioteca colocou o saxofone de Mulligan em exposição permanente no início de 2009.

Teatro e filme.

A primeira aparição em filmes de Mulligan foi provavelmente com a orquestra de Krupa tocando saxofone alto no curta de RKO de 1946 Follow That Music. Mulligan teve papéis pequenos nos filmes “That I want to live!” (1958), The Rat Race (1960, em que aparece como um tenorista e não como baritonísta), os subterrâneos 1960 e Bells Are Ringing (1960). Mulligan também realizou inúmeros programas de televisão em uma variedade de configurações durante sua carreira. Como compositor de filmes, Mulligan escreveu música para A Thousand Clowns (1965, o tema do título), a versão cinematográfica da comédia da Broadway Luv (1967), os filmes franceses La Menace (1977) e Les Petites galères (1977, com Ástor Piazzolla ) E eu não sou Rappaport (1996, o tema do título). Em 1974, Mulligan colaborou em uma versão musical de Anita Loos ‘jogar Happy Birthday . Embora a equipe criativa tivesse grandes esperanças para o trabalho, nunca passou de uma produção de oficina na Universidade do Alabama. Em 1978, Mulligan escreveu música para Dale Wasserman ‘s Broadway jogar Play with Fire. Em 1995, a Hal Leonard Corporation lançou a fita de vídeo The Gerry Mulligan Workshop. Texto: Super Sax.

Bitrate: 192Kbps.

Álbuns.

Gerry Mulligan Quartet - EP (1952)
01. Soft Shoe
02. Walkin' Shoes
03. Aren't You Glad You're You
04. Free Way


California Concerts Vol. 1 (1954)
01. Blues Going Up
02. Little Girl Blue
03. Piano Blues
04. Yardbird Suite
05. Blues For Tiny
06. Soft Shoe
07. Making Whoopee
08. Darn That Dream
09. Ontet
10. A Bark For Barksdale


California Concerts Vol. 2 (1954)
01. Makin' Whoopee
02. Nights At The Turntable
03. Blues For Tiny
04. Frenesi
05. Limelite
06. People Will Say We're In Love
07. Western Union
08. I Know. Don't Know Why
09. The Red Door
10. Polka Dots And Moon Beams
11. I'll Remember April
12. There Will Never Be Another You
13. It Don't Mean A Thing (If It Ain't Got That Swing)
14. In A Sentimental Mood/Flamingo/Moon Mist


Gerry Mulligan Sextet (1955-1956)
01. Igloo
02. Lollypop
03. Makin' Whoopee
04. Nights At The Turntable
05. Broadway
06. Everything Happens To Me
07. The Lady Is A Tramp
08. Sweet And Lovely
09. Moon Mist / In A Sentimental Mood
10. Bernie's Tune
11. Demanton
12. La Plus Que Lente
13. Westwood Walk
14. Elevation


Western Reunion: The Sextet Live In Amsterdam (1956)
01. Intro By Gerry Mulligan
02. Mud Bug
03. Nights At The Turntable/ Ontet
04. Ain't It The Truth
05. Line For Lyons
06. Demanton/ Utter Chaos
07. Broadway
08. Sweet And Lovely
09. The Red Door
10. I May Be Wrong (But I Think You're Wonderful)
11. My Funny Valentine
12. Westwood Walk
13. I'm Beginning To See The Light
14. Stars And Stripes Forever
15. Western Reunion


Gerry Mulligan Quartet - At Storyville (1956)
01. Bweebida Bwobbida
02. Birth Of The Blues
03. Baubles, Bangles And Beads
04. Rustic Hop
05. Open Country
06. Storyville Story
07. That Old Feeling
08. Bike Up The Strand


Gerry Mulligan & Thelonious Monk - Mulligan Meets Monk (1957)
01. 'Round Midnight
02. Rhythm-A-Ning
03. Sweet And Lovely
04. Decidedly (Take 4)
05. Decidedly (Take 5)
06. Straight, No Chaser (Take 3)
07. Straight, No Chaser (Take 1)
08. I Mean You (Take 4)
09. I Mean You (Take 2)


The Gerry Mulligan Quartet - What Is There To Say? (1958)
01. What Is There to Say
02. Just in Time
03. News from Blueport
04. Festive Minor
05. As Catch Can
06. My Funny Valentine
07. Blueport
08. Utter Chaos


The New Gerry Mulligan Quartet - Americans In Sweden (1959)
01. Gene Krupa
02. As Catch Can
03. I Can’t Get Started
04. Just In Time
05. What Is There To Say
06. Spring Is Sprung
07. Blueport
08. Utter Chaos


The Genius Of Gerry Mulligan (1960)
01. Get Happy
02. She Didn't Say Yes
03. Bernie's Tune
04. Darn That Dream
05. Five Brothers
06. I Can't Believe That You're In Love With Me
07. Gold Rush
08. Blues For Tiny
09. Polka Dots And Moonbeams
10. Blue At The Roots
11. The Lady's In Love With You


Gerry Mulligan And The Concert Jazz Band - At The Village Vanguard (1961)
01. Blueport
02. Body And Soul
03. Black Nightgown
04. Come Rain Or Come Shine
05. Lady Chatterley's Mother
06. Let My People Be


'Jeru' (1962)
01. Capricious
02. Here I'll Stay
03. Inside Impromptu
04. You've Come Home
05. Get out of Town
06. Blue Boy
07. Lonely Town


Gerry Mulligan And His Quartet - En Concert Avec Europe 1 (1962)
01. Spring Is Sprung
02. Five Brothers
03. Subterranean Blues
04. Darn That Dream
05. Blue Port
06. Utter Chaos


Paul Desmond - Gerry Mulligan - Two Of A Mind (1962)
01. All the Things You Are
02. Stardust
03. Two of a Mind
04. Blight of the Fumble Bee
05. The Way You Look Tonight
06. Out of Nowhere


Night Lights (1965)
01. Night Lights (1963 Version)
02. Morning Of The Carnival From 'Black Orpheus'
03. In The Wee Small Hours Of The Morning
04. Prelude In E Minor
05. Festival Minor
06. Tell Me When
07. Night Lights (1965 Version)


Love Walked In (1965)
01. Night Lights
02. Please Don't Talk About Me When I'm Gone
03. The Second Time Around
04. Not Mine
05. PS I Love You
06. The Song Is Ended
07. Love Walked In
08. Feeling Good
09. Love Is The Sweetest Thing
10. I'll Walk Alone
11. The Shadow Of Your Smile


Astor Piazzolla & Gerry Mulligan - Reunion Cumbre (1974)
01. Hace Veinte Anos
02. Cierra Tus Ojos y Escucha
03. Anos de Soledad
04. Deus Xango
05. Veinte Anos Despues
06. Aire de Buenos Aires
07. Reminiscencia
08. Reunion Cumbre


Astor Piazzolla & Gerry Mulligan - Summit (1974)
01. 20 Years Ago
02. Close Your Eyes and Listen
03. Years of Solitude
04. Deus Xango
05. 20 Years After
06. Aire de Buenos Aires
07. Reminiscence
08. Summit


Gerry Mulligan & Chet Baker - Carnegie Hall Concert (1975)
01. Line For Lyons
02. Margarine
03. For An Unfinished Woman
04. My Funny Valentine
05. Song Dor Strayhorn
06. It's Sandy At The Beach
07. K-4 Pacific
08. There Will Never Be Another You
09. Bernie's Tune


Watching & Waiting (1977)
01. Dance of the Truck
02. Introspect
03. Watching and Waiting
04. Trucking Again
05. New Wine
06. Trap
07. Theme From "La Menace"
08. Vines of Bordeaux
09. House They'll Never Live In
10. Watching and Waiting (Reprise)
11. Pantomimist
12. Introspect (Reprise)
13. Vines of Bordeaux (Reprise)


Judy Holliday & Gerry Mulligan - Holliday With Mulligan (1980)
01. What's the Rush
02. Loving You
03. Lazy
04. It Must Be Christmas
05. The Party's Over
06. It's Bad For Me
07. Supper Time
08. Pass That Peace Pipe
09. I've Got A Right To Sing the Blues
10. Summer's Over
11. Blue Prelude


Gerry Mulligan Quartet - Reunion With Chet Baker (1988)
01. Reunion
02. When Your Lover Has Gone
03. Stardust
04. My Heart Belongs To Daddy
05. Jersey Bounce
06. The Surrey With The Fringe On Top
07. Trav’lin’ Light
08. Trav’lin’ Light (Alternate Take)
09. Ornithology
10. People Will Say We’re In Love
11. The Song Is You
12. Gee Baby, Ain’t I Good To You
13. Gee Baby, Ain’t I Good To You (Alternate Take)
14. I Got Rhythm
15. All The Things You Are


Lonesome Boulevard (1990)
01. Rico Apollo
02. I Heard The Shadows Dancing
03. Lonesome Boulevard
04. Curtains
05. Ring Around A Bright Star
06. Splendor In The Grass
07. Good Neighbor Thelonious
08. Wallflower
09. The Flying Scotsman
10. Etude For Franca


Symphonic Dreams (1990)
01. Entente For Baritone Sax & Orchestra
02. Sun On The Bach Stairs
03. Sax In Debussy’s Garden
04. Sax In Mozart Minor
05. Sax And The Rite Of Igor
06. Song For Strayhorn
07. Sax And Der Rosenkavaler
08. Sax On The Rhine
09. A Walk With Brahms
10. K-4 Pacific


Gerry Mulligan & Chet Baker - The Best Of The Gerry Mulligan Quartet With Chet Baker, 1953 (1991)
01. Bernie's Tune
02. Nights At The Turntable
03. Freeway
04. Soft Shoe
05. Walkin' Shoes
06. Makin' Whoopee
07. Carson City Stage
08. My Old Flame
09. Love Me Or Leave Me
10. Swinghouse
11. Jeru
12. Darn That Dream
13. I'm Beginning To See The Light
14. My Funny Valentine
15. Festive Minor


Gerry Meets Hamp (1992)
01. Apple Core
02. Song For Johnny Hodges
03. Blight Of The Bumble Bee
04. Gerry Meets Hamp
05. Blues For Gerry
06. Line For Lyons
07. Walkin' Shoes
08. Limelight
09. Fables Of Faubus


Re-Birth Of The Cool (1992)
01. Israel
02. Deception
03. Move
04. Rouge
05. Rocker
06. Godchild
07. Moon Dreams
08. Venus De Milo
09. Budo
10. Boplicity
11. Darn That Dream
12. Jeru


Gerry Mulligan Quartet - Gerry Mulligan Quartet Featuring Chet Baker (1992)
01. Carioca
02. Line For Lyons
03. Moonlight In Vermont
04. Bark For Barksdale
05. Turnstile
06. The Lady Is A Tramp
07. My Funny Valentine
08. Limelight
09. Gerry Mulligan Signing Off
10. Flying The Coop
11. Why Not
12. So What
13. I May Be Wrong
14. New York
15. Leavin' Town
16. Hot Dog
17. Sax Appeal


Gerry Mulligan With Jane Duboc - Paraiso (1993)
01. Paraiso
02. No Rio (In Rio)
03. Sob A Estrela
04. O Bom Alvinho
05. Willow Tree
06. Bordado
07. Tarde En Itapoan
08. Amor En Paz
09. Wave
10. Tema Pra Jobim (Theme For Jobim)
11. North Atlantic Run


Gerry Mulligan Quartet - Dream A Little Dream (1994)
01. Nobody Else But Me
02. Home (When Shadows Fall)
03. Dream A Little Dream
04. I'll Be Around
05. They Say It's Wonderful
06. The Real Thing
07. Noblesse
08. Here's That Rainy Day
09. Georgia On My Mind
10. My Funny Valentine
11. As Close As Pages In A Book
12. My Shining Hour
13. Walking Shoes
14. Song For Strayhorn


Verve Jazz Masters 36 (1994)
01. You Took Advantage Of Me
02. Manoir de Mes Rêves (Aka 'Django's Castle')
03. Lady Chatterley's Mother
04. Barbara's Theme
05. Blueport
06. Weep
07. All About Rosie
08. Chuggin'
09. Summer's Over
10. Israel
11. Ballad
12. Big City Blues


Gerry Mulligan & Paul Desmond Quartet - Blues In Time, 1957 (1995)
01. Blues In Time
02. Body And Soul
03. Stand Still
04. Line For Lyons
05. Wintersong
06. Battle Hymn Of The Republican
07. Fall Out


Gerry Mulligan Quartet - Dragonfly (1995)
01. Dragonfly
02. Brother Blues
03. Anthem
04. Backstage
05. Little Glory
06. Art Of Trumpet
07. Listening To Astor
08. Ninth Life
09. Underneath A Pale Blue Moonlight
10. Oh, Mr. Sauter? Yes, Mr. Finegan?


Midas Touch: Live In Berlin (1995)
01. Out Back Of The Barn
02. Intro & Comments By Gerry Mulligan
03. Wallflower
04. Midas Lives
05. Noblesse
06. Sun On The Stairs
07. Curtains
08. Walkin' Shoes
09. These Foolish Things


The Original Tentet & Quartet Featuring Chet Baker (1996)
01. Westwood Walk
02. Simbah
03. Walkin' Shoes
04. Rocker
05. A Ballad

06. Taking A Chance On Love
07. Flash
08. Ontet
09. Varsity Drag
10. Speak Low
11. Half Nelson
12. Lady Bird
13. Love Me Or Leave Me
14. Swing House


Gerry Mulligan Quartet - Paris, Salle Pleyel, 1954 (1996)
01. I May Be Wrong
02. Gold Rush
03. Makin' Whoopee
04. Laura
05. Soft Shoes
06. The Nearness Of You
07. Love Me Or Leave Me
08. Bernie's Tune
09. Walkin' Shoes
10. Five Brothers
11. Lullaby Of The Leaves
12. Limelight
13. Come Out Whereever You Are
14. Moonlight In Vermont
15. The Lady Is A Tramp
16. Bark For Barksdale


Gerry Mulligan With Chet Baker - The Complete Pacific Jazz Recordings 
(Box Set 1996)
CD 1: Get Happy. 

01. Get Happy
02. 'S Wonderful
03. Godchild
04. Dinah
05. She didn't say yes, She didn't say no
06. Bernie's Tune
07. Lullaby of the Leaves
08. Utter Chaos #1
09. Aren't You Glad You're You
10. Frenesi
11. Nights At The Turntable
12. Freeway
13. Soft Shoe
14. Walkin' Shoes
15. Aren't You Glad You're You
16. Get Happy
17. Poinciana
18. Godchild
19. Makin' Whoopee
20. Cherry
21. Motel
22. Carson City Stage

CD 2: The Original Sessions.

01. My Old Flame
02. All The Things You Are
03. Love Me or Leave Me (Alt Tk)
04. Love Me or Leave Me
05. Swinghouse-10' (LP Tk)
06. Swinghouse-12' (LP Tk)
07. Jeru
08. Utter Chaos #2
09. Darn The Dream
10. Darn The Dream (Alt Tk)
11. I May Be Wrong-12' (LP Tk)
12. I May Be Wrong-10' (LP Tk)
13. I'm Beginning To See The Light-10' (LP Tk)
14. I'm Beginning To See The Light-12' (LP Tk)
15. The Nearness Of You
16. Tea For Two
17. Five Brothers
18. I Can't Get Started
19. Ide's Side
20. Funhouse
21. My Funny Valentine

CD 3: The Reunion.

01. People Will Say We're in Love
02. Reunion
03. When Your Lover Has Gone
04. Stardust
05. My Heart Belongs To Daddy
06. Jersey Bounce
07. The Surrey With The Fringe On Top
08. Ornithology
09. Travelin' Light
10. Travelin' Light (Alt Tk)
11. The Song is You
12. Gee Baby Ain't I Good To You
13. Gee Baby, Ain't I Good To You-alt tk
14. I Got Rhythm
15. All The Things You Are
16. Festive Minor
 

CD 4: The Colloborations.

01. Too Marvelous For Words
02. Lover Man
03. I'll Remember April
04. These Foolish Things
05. All The Things You Are
06. Bernie's Rune
07. Almost Like Being In Love
08. Sextet
09. Broadway
10. I can't Believe That You're In Love With Me
11. Lady Be Good
12. Lady Be Good (Alt Tk)
13. Between The Devil And The Deep Blue Sea
14. This Time The Dream's On Me
15. Let There Be Love
16. How About You?
17. I Guess I'll Have To Change My Plans
18. This Is Always (Alt Ver)
19. My Old Flame
20. It Don't Mean A Thing If It Ain't Got That Swing
21. The Lady's In Love With You
22. I've Grown Accustomed To Your Face-alt ver
23. You Turned The Tables On Me


Gerry Mulligan Quartet With Chet Baker (1996)
01. Line For Lyons
02. Walking Shoes
03. Love Me Or Leave Me
04. Carioca
05. Freeway
06. Moonlight In Vermont
07. The Lady Is A Tramp
08. Bark For Barksdale
09. My Funny Valentine
10. Bernie's Tune
11. Five Brothers
12. Turnstile
13. I May Be Wrong
14. Swing House
15. Lullaby Of The Leaves
16. The Nearness Of You
17. I'm Beginning To See The Light
18. Makin' Whoopee
19. Frenesi
20. Nights At The Turntable
21. Jeru
22. Cherry
23. Aren't You Glad You're You?
24. Tea For Two


Gerry Mulligan & Ben Webster - The Complete Gerry Mulligan Meets Ben Webster Sessions (1997)
CD 1.

01. In A Mellow Tone (CD Master Take)
02. In A Mellow Tone (Alternative Take)
03. What Is This Thing Called Love? (CD Master Take)
04. Chelsea Bridge (LP Master Take)
05. Chelsea Bridge (Alternative Take)
06. Go Home (Breakdown - Rehersal And False Start)
07. Go Home (LP Master Take With Insert As Issued)
08. Who's Got Rhythm? (LP Master Take)
09. For Bessie (CD Master Take)
10. Go Home (End Of Unedited-3)
11. Go Home (Unedited Insert)

CD 2.

01. Fajista (False Start)
02. Fajista (Alternative Take)
03. Fajista (Discussion And Rehersal)
04. Fajista (CD Master Take)
05. Tell Me When (Alternative Take)
06. Tell Me When (LP Master Take)
07. Blues In B Flat (Breakdown-Discussion-False Start)
08. Blues In B Flat (Alternative Take)
09. Blues In B Flat (CD Master Take)
10. The Cat Walk (Rehersal And Discussion-False Start And Discussion Brеakdown)
11. The Cat Walk (Alternative Take)
12. The Cat Walk (Warmup-Breakdown-Breakdown)
13. The Cat Walk (LP Master Take)
14. Sunday (False Start-Alternative Take)
15. Sunday (LP Master Take)


Mullenium (1998)
01. Thruway (Take 6)
02. Motel (Take 5)
03. All The Things You Are
04. Mullenium
05. Thruway (Take 7)
06. Motel (Take 4)
07. Elevation
08. Between The Devil And The Deep Blue Sea
09. Disc Jockey Jump (Alternate Take 1)
10. How High The Moon
11. Disc Jockey Jump


Gerry Mulligan & The Concert Jazz Big Band Feat Zoot Sims - Live Zurich, 1960 (1999)
01. Utter Chaos
02. You Took Advantage of Me
03. Black Nightgown
04. Motel
05. Walkin' Shoes
06. Body and Soul
07. The Apple Core
08. Go Home
09. I'm Gonna Go Fishin'


The Art Of Gerry Mulligan: The Final Recordings (2000)
01. Paraiso
02. Dragonfly
03. Dream a Little Dream
04. Wave
05. O Bom Alvinho
06. Noblesse
07. Nobody Else But Me
08. Brother Blues
09. Art of Trumpet
10. My Funny Valentine
11. North Atlantic Run
12. Oh, Mr. Sauter? Yes, Mr. Finegan
13. Song for Strayhorn


Gerry Mulligan Quartet With Chet Baker - Walking Shoes (2001)
01. Bernie's Tune
02. Lullaby Of The Leaves
03. Freeway
04. Frenesi
05. Nights At The Turntable
06. Aren't You Glad You're You
07. Line For Lyons
08. Carioca
09. My Funny Valentine
10. Bark For Barksdale
11. Moonight In Vermont
12. The Lady Is A Tramp
13. Turnstile
14. Makin' Whoopee
15. Cherry
16. Love Me Or Leave Me
17. Swing House
18. Jeru
19. I Mey Be Wrong
20. I'm Beginning To See The Light
21. Tea For Two
22. Five Brothers


The Complete Verve Gerry Mulligan Concert Band Sessions (Box Set 2003)
 
CD 1.
01. Sweet And Slow
02. Bweebida Bobbida
03. Manoir De Mes Rêves (Django's Castle)
04. You Took Advantage Of Me
05. Out Of This World
06. My Funny Valentine
07. Broadway
08. I'm Gonna Go Fishin'
09. I Know, Don't Know How
10. Barbara's Theme
11. Sweet And Slow (First Version)
12. Out Of This World (First Version)

CD 2.
01. Go Home
02. Barbara's Theme
03. Theme From 'I Want To Live'
04. The Red Door
05. Come Rain Or Come Shine
06. Apple Core
07. Go Home (Short Version)
08. As Catch Can
09. Young Blood
10. Blueport
 

CD 3.
01. Blueport
02. Body And Soul
03. Black Nightgown
04. Come Rain Or Come Shine
05. Lady Chatterly's Mother
06. Let My People Be
07. All About Rosie
08. Weep
09. I Know, I Don't Know How
10. Chuggin'
11. Summer's Over
12. Israel
 

CD 4.
01. Little Rock Getaway
02. Ballad
03. Big City Life
04. Big City Blues
05. My Kinda Love
06. Pretty Little Gypsy
07. Bridgehampton South
08. Bridgehampton Strut
09. Chant
10. Ballad (Alt Trk)
11. Bridgehampton South (Alt Trk)
12. Bridgehampton Strut (Alt Tk)


Gerry Mulligan Concert Jazz Band - Live At The Olympia, 1960 (2006)
CD 1.

01. You Took Advantage Of Me
02. Black Nightgown
03. Body and Soul
04. Barbara’S Theme
05. Apple Core
06. Come Rain Or Come Shine
07. Out Of This World
08. Spring Is Sprung
09. My Funny Valentine
10. Bweebida Bobbida
11. Go Home

CD 2.

01. I’m Gonna Go Fishing
02. Broadway
03. Blueport
04. Walkin’ Shoes (End Of Concert)
Bonus Tracks.
05. Spring Is Sprung
06. Five Brothers
07. Subterranean Blues
08. Darn That Dream
09. Blueport
10. Utter Chaos


Mosaic Select 21 (Box Set 2006)
CD 1.

01. Reunion
02. When Your Lover Has Gone
03. Star Dust
04. My Heart Belongs To Daddy
05. Jersey Bounce
06. Surrey With The Fringe On Top
07. Ornithology
08. Trav'lin' Light
09. People Will Say We're In Love
10. Gee Baby, Ain't I Good To You
11. The Song Is You
12. Festive Minor
13. I Got Rhythm
14. Trav'lin' Light (Alternate Take)
15. Gee Baby, Ain't I Good To You (Alternate Take)
16. All The Things You Are

CD 2.

01. Four And One Moore
02. Crazy Day
03. Turnstile
04. Sextet
05. Disc Jockey Jump (Full Version)
06. Venus De Milo
07. Revelation
08. Crazy Day (Mono Take)
09. Turnstile (Mono Take)
10. May-Reh
11. The Preacher
12. Good Bait
13. Bags' Groove

CD 3.

01. Lullaby In Rhythm
02. Body And Soul
03. Out Of Nowhere
04. I'll Remember April
05. I Can't Get Started
06. I Feel Pretty
07. How About You?
08. I've Grown Accustomed To His Face
09. This Time The Dream's On Me
10. Let There Be Love
11. All Of You
12. Give Me The Simple Life
13. This Is Always
14. Between The Devil And The Deep Blue Sea
15. It Don't Mean A Thing If It Ain't Got That Swing (Unedited Version)
16. The Lady's In Love With You
17. My Old Flame
18. I Guess I'll Have To Change My Plans
19. You Turned The Tables On Me
20. This Is Always (First Version)
21. I've Grown Accustomed To His Face (First Version)


Billy Taylor & Gerry Mulligan - Live At MCG (2007)
01. Stompin' At The Savoy
02. Just You Just Me
03. Darn That Dream
04. All The Things You Are
05. Laura
06. Line For Lions
07. Body And Soul
08. Indiana (Back Home Again In Indiana)
09. Come Sunday
10. Capricious


The Jazz Soundtracks, 1958-1959 (2007)
01. Why Are We Afraid?
02. Guido's Blackhawk
03. Two by Two
04. Bread and Wine
05. Cofee Time
06. A Rose and the End
07. Should
08. Look Ma, No Clothes
09. Things Are Looking Down
10. Analyst
11. Like Blue
12. Raising Caen
13. Black Nightgown
14. Theme from "I Want to Live!"
15. Night Watch
16. Frisco Club
17. Barbara's Theme
18. Life's a Funny Thing



Todos comentários aparecem após a aprovação, portanto aguarde a moderação do seu comentário sem precisar repeti - ló várias vezes.

Perguntas, avisos ou problemas no blog, serão atendidos somente através do e-mail: murodoclassicrock@gmail.com

Quem insistir em escrever nos comentários será ignorado e o problema não será corrigido.

Por vários motivos esse Blog não atende pedidos de discografias, e-mails ignorando este aviso serão marcados como Spam.

Links alheios não serão permitidos.

Respeite os gostos e opiniões alheias, críticas, ofensas e discussões com palavras de baixo calão não serão permitidas.

3 comentários :

  1. bom dia
    que bela prenda de natal
    muito obrigado
    joao

    ResponderExcluir
  2. que beleza hein!!grande Jeru! perfeito pra ouvir na praia no fim do ano!obrigado por postar!! frequento seu blog a muitos anos, só coisa boa!

    ResponderExcluir
  3. novamente, muito obrigado por isto!

    ResponderExcluir

Todos comentários aparecem após a aprovação, portanto aguarde a moderação do seu comentário sem precisar repeti - ló várias vezes.

Perguntas, avisos ou problemas no blog, serão atendidos somente através do e-mail: murodoclassicrock@gmail.com

Quem insistir em escrever nos comentários será ignorado e o problema não será corrigido.

Por vários motivos esse Blog não atende pedidos de discografias, e-mails ignorando este aviso serão marcados como Spam.

Links alheios não serão permitidos.

Respeite os gostos e opiniões alheias, críticas, ofensas e discussões com palavras de baixo calão não serão permitidas.