'/> Muro do Classic Rock: Strawberry Path - When The Raven Has Come To The Earth (1971)
Please enable / Bitte aktiviere JavaScript!
Veuillez activer / Por favor activa el Javascript![ ? ]

5 de janeiro de 2020

Strawberry Path - When The Raven Has Come To The Earth (1971)

Falar de hard rock pesado nipônico dos anos 70 é falar do insano duo Shigeru Narumo (guitarra, teclado) e Hiro Tsunoda (bateria). Antes de fundarem o grande Flied Egg, a dupla esteve também envolvida num curioso projeto batizado como Strawberry Path. Narumo, assim como milhares de outros rockers japoneses, se animou com o filme do festival de Woodstock e passou a tocar em bandas e organizar festivais de música ao ar livre.

Narumo e Tsunoda iam compilando diversas experiências nessa onda de rock psicodélico e amor livre, e por volta de 1971, estavam prontos pra colocar isso em vinil, mesmo que essa ousadia significasse que Narumo devesse em alguns casos tocar três instrumentos ao mesmo tempo. Nada muito diferente de como ele fazia nos shows: teclados com sua mão esquerda, guitarra com a direita e os pedais do baixo com os seus pés.

When The Raven Has Come To The Earth, o único trabalho lançado na carreira do Strawberry Path, escancara as influências do rock britânico e norte-americano presentes no trabalho de Narumo e Tsunoda. Vocais e guitarra seguindo a cartilha de Hendrix, teclados no estilo Procol Harum e Deep Purple, e bateria pesada no melhor estilo Cream/Mountain.

As duas primeiras faixas não possuem nada demais, apenas uma dupla hard competente de composições, com bons solos de Narumo e a bateria de Tsunoda calcada em Bonham e Appice. A instrumental “The Second Fate” já introduz o lado melódico, com seus teclados que de imediato remete o ouvinte a “A Wither Shade Of Pale” do Procol Harum. Piano e Hammond servindo de cama para um grande solo de guitarra de Narumo. O drive de “Five More Pennies” parece querer compensar a melancolia da faixa anterior, já que aqui o boogie rola solto nessa que é a faixa mais longa do elepê. “Five More Pennies” serve também para Narumo dar uma de Jimmy Page, pois seu solo é nitidamente chupado de “Heartbreaker”. Ao vivo, essa faixa era o ápice das apresentações do Strawberry Path.

Outros pontos altos do álbum são a balada “Mary Jane On My Mind”, repleta de belas melodias no melhor estilo Hollies/Marmalade, além de orquestrações angelicais, e vocal soprano. E também a instrumental que encerra o trabalho, “When The Raven Has Come To The Earth”, que certamente não deixa nada a dever para grupos como Barclay James Harvest. Texto: Roeira Zine. 

01. I Gotta See My Gypsy Woman (4:56)
02. Woman Called Yellow 'Z' (5:31)
03. The Second Fate (4:29)
04. Five More Pennies (6:25)
05. Maximum Speed Of Muji Bird (45 Seconds Of Schizophrenic Sabbath) (0:48)
06. Leave Me Woman (4:21)
07. Mary Jane On My Mind (4:50)
08. Spherical Illusion (5:34)
09. When The Raven Has Come To The Earth (6:18)


(320Kbps)




Todos comentários aparecem após a aprovação, portanto aguarde a moderação do seu comentário sem precisar repeti - ló várias vezes.

Perguntas, avisos ou problemas no blog, serão atendidos somente através do e-mail: murodoclassicrock@gmail.com

Quem insistir em escrever nos comentários será ignorado e o problema não será corrigido.

Por vários motivos esse Blog não atende pedidos de discografias, e-mails ignorando este aviso serão marcados como Spam.

Links alheios não serão permitidos.

Respeite os gostos e opiniões alheias, críticas, ofensas e discussões com palavras de baixo calão não serão permitidas.

Um comentário :

Todos comentários aparecem após a aprovação, portanto aguarde a moderação do seu comentário sem precisar repeti - ló várias vezes.

Perguntas, avisos ou problemas no blog, serão atendidos somente através do e-mail: murodoclassicrock@gmail.com

Quem insistir em escrever nos comentários será ignorado e o problema não será corrigido.

Por vários motivos esse Blog não atende pedidos de discografias, e-mails ignorando este aviso serão marcados como Spam.

Links alheios não serão permitidos.

Respeite os gostos e opiniões alheias, críticas, ofensas e discussões com palavras de baixo calão não serão permitidas.